capa

Fevereiro começa com sol e calor no Litoral Norte

Veranistas aproveitam a sexta-feira nas praias gaúchas

Por
Chico Izidro

Água do mar estava completamente verde, limpa e quente em Imbé

publicidade

A expressão de alegria de Luciana Santos, moradora de Canoas e aposentada, resumiu bem o que foi o primeiro dia de fevereiro em Imbé, no Litoral Norte. “Está um dia perfeito. Simplesmente maravilhoso”, exclamou ela, enquanto andava na beira da praia nesta sexta-feira.

Pela manhã, a água do mar estava completamente verde, limpa e quente, fazendo com que os veranistas aproveitassem para se banhar. O sol se apresentou muito forte e a temperatura chegou aos 28 graus, mas devido a uma brisa, agradável. “Fazia muito tempo que eu não via o mar assim”, garantiu Luciana, ao lado da amiga Lídia Freitas, também aposentada e moradora de Canoas. As duas chegaram a Imbé no dia 28 de dezembro e pretendem ficar veraneando até depois do Carnaval. “Aposentado tem que ter algum privilégio”, brincou Lídia. “Nós já mergulhamos hoje e agora aproveitar para queimar uma caloria dando uma caminhada enquanto admiramos esta beleza de mar”, disse.

O guarda-vidas sargento Gabriel Campos Chaves fez questão de chamar a atenção para alguns pontos onde foram fincadas bandeiras pretas na beira da praia. “Hoje a bandeira está verde, em razão de o mar estar calmo e não haver ondulações”, disse. “Porém em alguns lugares pontuais colocamos a bandeira preta, alertando para o risco de morte”, ressaltou.

Conforme o guarda-vidas, “não havia repuxo, mas foram verificados alguns buracos mais profundos”. “Nesses pontos o banhista deve ter mais atenção”, pediu. “O mar está propício para o banho, porém as pessoas devem ficar precavidas. Como diz um velho ditado, água no umbigo, sinal de perigo”, alertou.

O alerta serviu para o empresário Valmor Krein, de Arroio do Meio, que chegou na sexta-feira pela manhã a Imbé junto com a esposa Magda e o filho pequeno Mathias. A família vai ficar no litoral até a próxima quarta-feira. “Nós entramos na água, está bem limpa, de um azul muito bonito. Mas o Mathias não sai do meu lado”, garantiu Valmor, que voltou a veranear em Imbé depois de três anos curtindo o verão em Santa Catarina.

“Deu saudade daqui, onde a gente vinha desde criança”, afirmou Magda. “E Imbé está bonita, com bastantes opções familiares. Além do que fica ao lado de Tramandaí, que tem seus atrativos”, reforçou Valmor.