RS tem sete pontos impróprios para banho, aponta Fepam
capa

RS tem sete pontos impróprios para banho, aponta Fepam

Maioria das áreas se concentra na região Sul do Estado

Por
Correio do Povo

publicidade

Caiu de dez para sete o número de pontos impróprios para banho no Rio Grande do Sul, de acordo com balanço divulgado pela Fundação Estadual de Proteção Ambiental (Fepam), nesta sexta-feira. O órgão analisou amostras recolhidas em 92 pontos diferentes. 

As áreas consideradas impróprias ficam em Jaguari (Balneário Fernando Schilling), Osório (Lagoa do Peixoto), Pelotas  (Balneário Valverde - Pontal da Barra, Balneário Santo Antônio, em  frente ao Hotel Praia Laranjal e Balneário dos Prazeres, em frente à estátua de Iemanjá), São Lourenço do Sul (Praia das Nereidas, em frente ao Hotel das Figueiras) e Tapes (Balneário Rebelo).

As demais 85 áreas estão patas. A lista completa está disponível neste link

Desses pontos, a Lagoa do Peixoto está pela terceira semana consecutiva, desde o início das pesquisas, com o índice de cianobactérias acima do permitido. A Fepam seguirá colhendo amostras para análises de balneabilidade de praias e belneários até o fim de fevereiro.