Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Julho de 2014


Porto Alegre
Agora
11ºC
Amanhã
16º


Faça sua Busca


Notícias > Polícia

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

27/01/2014 15:20

Polícia Civil irá manter investigação sobre agentes do Denarc presos

Policiais foram detidos com R$ 8 mil em dinheiro, revólver e 1,6 quilo de cocaína

Mesmo após a conclusão do inquérito, a Corregedoria-Geral (Cogepol) da Polícia Civil vai prosseguir com as investigações em torno dos dois agentes do Departamento Estadual de Investigações do Narcotráfico (Denarc), presos pelo 31º BPM com cerca de 1,6 quilo de cocaína, em torno de R$ 8 mil em dinheiro e um revólver calibre 32 com numeração raspada, em Guaíba, na noite de sexta-feira passada. O objetivo, de acordo com o delegado D’Artagnan Tubino, é descobrir o que os policiais civis faziam no local da prisão e que tipo de envolvimento possuíam com os nomes de supostos traficantes, que estão anotados, junto com valores, nos papéis apreendidos na sexta-feira. “O crime de tráfico de drogas, porém, já está caracterizado”, destacou ele, em relação ao flagrante ocorrido em Guaíba.

As prisões preventivas dos dois agentes foram decretadas ainda no final de semana pela Justiça. Ambos foram também afastados de suas funções. A Cogepol tem prazo até domingo para remeter o inquérito do flagrante ao Poder Judiciário. Os policiais civis estão recolhidos nas celas do Grupamento de Operações Especiais (GOE) da Polícia Civil, no Palácio da Polícia, na Capital.

Ao serem presos pelos policiais militares do 31º BPM, eles alegaram que estavam em missão secreta e pretendiam fazer uma infiltração no narcotráfico local. Os superiores deles, ressaltou o delegado D’Artagnan Tubino, afirmaram que desconheciam o trabalho policial alegado pelos acusados.

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo






O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.