Correio do Povo

Porto Alegre, 24 de Abril de 2014


Porto Alegre
Agora
17ºC
Amanhã
12º 22º


Faça sua Busca


Notícias > Geral

ImprimirImprimir EnviarEnviar por e-mail Fale com a redaçãoFale com a redação Letra Diminuir letra Aumentar Letra

26/02/2014 10:44 - Atualizado em 26/02/2014 11:27

Comandante do Corpo de Bombeiros alerta para falta de efetivo e equipamento

Fábricas atingidas por fogo na Capital não tinham alvará contra incêndio

Fábricas atingidas por fogo na Capital não tinham alvará contra incêndio
Crédito: Tarsila Pereira

Equipes de bombeiros se revezam na manhã desta quarta-feira no trabalho de rescaldo do incêndio que atingiu duas fábricas no entorno do shopping DC Navegantes, na zona Norte de Porto Alegre. O combate, que levou mais de cinco horas, revelou as carências de efetivo e equipamento da corporação. “Temos uma deficiência de material e pessoal histórica, mas temos tentado resolver isso”, disse o comandante do Corpo de Bombeiros do Rio Grande do Sul, coronel Eviltom Pereira Diaz, em entrevista à Rádio Guaíba.

Atualmente há 2,6 mil bombeiros no Estado. Ano passado foram contratados 600, mas Diaz informou que concurso público deve ser lançado em 2014 para contratação de mais 400. O coronel também relatou que 31 novos caminhões devem ser adquiridos, três para Porto Alegre.

Somente nessa ocorrência foram utilizadas sete das oito viaturas da Capital e 50 combatentes, com apoio de unidades de Canoas, Charqueadas e Eldorado do Sul. O trabalho dos bombeiros, segundo o coronel, vai prosseguir o dia todo. A corporação ainda combate pequenos focos na empresa Feltros Renner.  

Os estabelecimentos não tinham alvará contra incêndio e um deles não possuía Plano de Prevenção Contra Incêndio (PPCI).

Veja o vídeo:



* Com informações do repórter Cláudio Isaías

Bookmark and Share

Fonte: Correio do Povo







O que você deseja fazer?

Busca

EDIÇÕES ANTERIORES

Acervo de 09 de Junho de 1997 a 30 de Setembro de 2012. Para visualizar edições a partir de 1 de Outubro de 2012, acesse a Versão Digital do Correio do Povo. No menu, acesse “Opções” e clique em “Edições Anteriores”.