Porto Alegre, quinta-feira, 23 de Outubro de 2014

  • 10/04/2014
  • 20:50
  • Atualização: 20:54

Motociclista morre ao cair da Rodovia do Parque

Segunda morte no trecho em 20 dias faz Dnit cogitar redutor de velocidade

  • Comentários
  • Rádio Guaíba

Um motociclista de 57 anos, natural de Canoas e identificado como Jorge Conceição Rodrigues, morreu ao bater em uma mureta e cair de uma altura de cerca de 30 metros, na BR 448, a Rodovia do Parque, no fim da tarde desta quinta-feira. É a segunda morte no trecho em 20 dias.

A moto, uma Triumph modelo Tiger 800, ficou sobre a pista e já foi removida. O acidente ocorreu junto à alça de acesso para a freeway, em um ponto sobre a rua João Moreira Maciel já depois da ponte estaiada, na direção de quem vai para o Interior. O terreno onde o homem caiu pertence, segundo informações preliminares, a uma empresa de extração de areia.

Em 22 de março, Michel Jost Freitas, de 24 anos, morreu ao cair da Rodovia do Parque, ao descer a ponte estaiada rumo à freeway, também em um acidente de moto. Ele bateu contra uma mureta de proteção e caiu no pátio de uma empresa de concreto.

Dnit cogita redutor de velocidade

O Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (Dnit) admitiu, ainda em janeiro, a possibilidade de instalar redutores de velocidade na alça de acesso que liga a BR 448 à freeway. Motoristas dizem haver sinuosidade excessiva no ponto. Já a PRF, além do redutor, sugeriu pintura nova no asfalto e instalação de números de contagem regressiva, mas até agora nada foi feito. A assessoria da corporação frisou, porém, que foram só dois os acidentes com morte no trecho desde que a estrada foi entregue, no fim do ano passado - ambos envolvendo motociclistas.

 Com informações do repórter Cristiano Soares / Rádio Guaíba

Bookmark and Share


TAGS » Trânsito, Acidente