Angelina Jolie consegue uma vitória na batalha legal com seu ex, Brad Pitt

Angelina Jolie consegue uma vitória na batalha legal com seu ex, Brad Pitt

As estrelas estão em uma batalha judicial desde 2016 sobre a custódia dos filhos

AFP

A atriz americana Angelina Jolie obteve uma vitória na batalha legal, quando o juiz que supervisionava o divórcio e a custódia dos filhos foi desqualificado do caso

publicidade

A atriz americana Angelina Jolie obteve uma vitória na batalha legal com seu ex-marido Brad Pitt nesta sexta-feira (23), quando o juiz que supervisionava o divórcio e a custódia dos filhos foi desqualificado do caso.

As estrelas, que têm seis filhos e já foram o casal mais notório de Hollywood, terminaram seu casamento em 2016 e estão em uma batalha judicial desde então.

Em maio, o juiz nomeado para decidir sobre a separação - e que também oficializou o casamento deles em 2014 - proferiu uma liminar alterando a guarda em favor de Pitt, que buscava maior acesso aos filhos.

No entanto, na sexta-feira, um tribunal de apelações da Califórnia decidiu que o juiz John Ouderkirk havia se beneficiado financeiramente por outros trabalhos com os advogados de Pitt e não havia relatado isso anteriormente, desqualificando-o do caso.

A decisão significa basicamente que o caso começará do zero com outro juiz.

Jolie e Pitt se tornaram um casal depois de estrelar como uma dupla de assassinos no filme "Sr. e Sra. Smith", de 2004. Na época, ele era casado com a estrela de "Friends", Jennifer Aniston.

Em 2018, o casal anunciou que havia chegado a um acordo sobre os filhos - três biológicos e três adotados - que, no entanto, parece ter acabado. Os termos do acordo inicial não são conhecidos, mas a imprensa relata que Pitt estava buscando a custódia conjunta, enquanto Jolie a queria para si mesma.

 

amz/ft/lm/lda/ap/mvv

 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895