Luísa Sonza lança faixas bloqueadas de ‘Escândalo Íntimo’

Luísa Sonza lança faixas bloqueadas de ‘Escândalo Íntimo’

Músicas e visuais estão liberados para o público a partir desta terça-feira

Correio do Povo

Lançado em agosto de 2023, “Escândalo Íntimo” já alcançou mais de meio bilhão de streams combinados com 20 das 24 faixas do álbum desbloqueadas

publicidade

A partir das 00h desta terça-feira, dia 28 de maio, as quatro faixas bloqueadas de Escândalo Íntimo estão liberadas. São elas: “Bêbada Favorita”, feat com Maiara e Maraisa que mistura pop, sertanejo e samba; “O Amor Tem Dessas (e é melhor assim)”, faixa que conta com uma citação de ‘Você Me vira a cabeça (Me Tira do Sério)’, de Alcione; “Sagrado&Profano”, um feat com KayBlack, nome em ascensão na cena do rap nacional; e “You Don’t Know Me”, de Caetano Veloso, uma versão do álbum Transa, de 1972. “Eu não via a hora de poder liberar essas músicas para o público, faixas com parcerias tão especiais. Me sinto realizada de ver esse álbum, esse trabalho tão intenso e que traz tanto de mim, agora disponível por inteiro”, relata Luísa.

Sobre a parceria, Caetano Veloso, um dos maiores nomes da música brasileira, declara: “É uma delícia gravar algo meu com uma figura tão brilhante da nova geração, como é Luísa Sonza”.

“Luísa é uma pessoa muito especial, sensível e ao mesmo tempo uma força incrível. Para nós foi um grande prazer dividir essa faixa com ela.”, comenta a dupla Maiara & Maraísa sobre a divertida “Bêbada Favorita”.

Lançado em agosto de 2023, “Escândalo Íntimo” já alcançou mais de meio bilhão de streams combinados com 20 das 24 faixas do álbum desbloqueadas. O álbum bateu o recorde no Spotify Brasil e alcançou 15.6 milhões de streams em menos de 24h após o lançamento. "Penhasco 2", faixa com Demi Lovato, alcançou a primeira posição entre as músicas mais escutadas do Spotify no Brasil, tornando as duas as primeiras artistas na história a debutar uma música com 2 milhões de streams na plataforma no país.

Luísa Sonza também emplacou todas as músicas de “Escândalo Íntimo” no TOP 50 da plataforma de música, com 6 delas no TOP 10. Além disso, 3 músicas entraram no Top 200 Global, com “Penhasco2” na posição 41, “Campo de Morango” na posição 140 e “A Dona Aranha” em 181. Em Portugal, “Penhasco2” estreou na posição 10 e “Escândalo íntimo” se tornou o maior debut de um álbum pop brasileiro.

Na Apple Music, a artista ocupou o Top 18 inteiro da plataforma e “Escândalo íntimo” foi o álbum mais ouvido. Na Deezer, todas as faixas estrearam no Top 50, com “Penhasco2” na primeira posição.

Inspirada em um dos gêneros mais ouvidos no mundo, a bossa nova da artista gaúcha, a música ‘Chico’, alcançou o primeiro lugar no Spotify Brasil e a 27ª posição no ranking global. Ao todo, a faixa já obteve mais de 82 milhões de streams combinados (vídeo e áudio) mundialmente e conquistou o selo diamante no Brasil ( quando uma faixa chega aos 600 mil streams).

Terceiro disco da carreira de Luísa Sonza, “Escândalo Íntimo” traz um trabalho artístico mais maduro e conceitual. Com 24 faixas, a obra traz feats nacionais e internacionais com artistas renomados, como Demi Lovato, Marina Sena, Baco Exu do Blues e Duda Beat.

Refletindo uma viagem no interior da artista, o disco, produzido em Los Angeles, contou reforço de peso com nomes como Roy Lenzo, produtor de álbuns como Montero, de Lil Nas X, e Tommy Brown, que já produziu hits de artistas como Ariana Grande, Justin Bieber e Blackpink.


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quarta-feira, dia 1 de maio de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895