OpenAI se desculpa com Scarlett Johansson e nega que voz artificial se baseie na dela

OpenAI se desculpa com Scarlett Johansson e nega que voz artificial se baseie na dela

A declaração veio depois que a atriz hollywoodiana expressou indignação

AFP

O fabricante do ChatGPT insistiu em que a voz não se baseou na de Scarlett.

publicidade

O diretor da OpenAI, Sam Altman, se desculpou, nesta terça-feira, dia 21, com Scarlett Johansson depois que a estrela de cinema disse ter ficado "surpresa" com uma nova voz sintética lançada pelo fabricante do ChatGPT, mas ele insistiu em que a voz não se baseou na dela.

Trata-se da "Sky", uma voz que a OpenAI apresentou na semana passada no lançamento de sua tecnologia de inteligência artificial GPT-4o, mais parecida com a humana.

Em uma demonstração, “Sky” foi paqueradora e divertida, pulando de um tópico para outro sem problemas, ao contrário da maioria dos chatbots existentes.

A tecnologia - e o som da voz - rapidamente atraiu semelhanças com a personagem de IA com a voz de Johansson no filme "Ela" de 2013.

Altman já apontou o filme dirigido por Spike Jonze, um aviso sobre o futuro no qual um homem se apaixona por um chatbot de IA, como inspiração para o rumo que ele gostaria que as interações de IA tomassem.

Na semana passada, ele estimulou a especulação com a publicação de apenas uma palavra no X, que dizia "ela"

“A voz de Sky não é a de Scarlett Johansson e nunca teve a intenção de soar como ela”, disse Altman em um comunicado nesta terça-feira, em resposta à controvérsia.

“Escolhemos o dublador por trás da voz de Sky antes de entrar em contato com a Sra. Johansson”.

“Por respeito à Sra. Johansson, paramos de usar a voz da Sky em nossos produtos. Pedimos desculpas à Sra. Johansson por não termos nos comunicado melhor.”

A declaração veio depois que Johansson expressou indignação na segunda-feira, dizendo que estava “chocada, irritada e incrédula que o Sr. Altman procurasse uma voz que soasse tão estranhamente semelhante à minha que meus amigos mais próximos e a mídia não conseguissem perceber a diferença”.

Ela disse que Altman havia se oferecido em setembro para contratá-la para trabalhar com a OpenAI na criação de uma voz sintética, dizendo que isso poderia ajudar as pessoas a interagir com a IA, mas ela recusou.


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quarta-feira, dia 1 de maio de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895