Preta Gil revela que não sabia da traição do ex quando pediu divórcio: "Lidei com uma bomba"

Preta Gil revela que não sabia da traição do ex quando pediu divórcio: "Lidei com uma bomba"

A cantora optou pelo divórcio no meio do tratamento de câncer por sentir que a relação estava desgastada, mas apenas depois foi saber da infidelidade do ex

AE

Preta Gil revelou que não sabia da traição quando decidiu terminar seu casamento com Rodrigo Godoy

publicidade

Preta Gil deu detalhes dos bastidores do término de seu casamento com Rodrigo Godoy. Nesta quinta-feira, 5, a cantora revelou que não sabia da traição quando decidiu se separar.

Preta relatou, em entrevista para a revista Veja, que estava em meio ao tratamento de câncer quando optou pelo divórcio por sentir que a relação estava desgastada, mas foi saber da infidelidade do ex somente depois.

"Não sabia. Tem mulheres que não conseguem sair de relações abusivas e muitas são abandonadas no meio de um tratamento", iniciou.

"Tive força e coragem de me separar para me priorizar, para olhar e falar: 'Não vou manter um casamento ruim, não vou ter ao meu lado alguém que não está me tratando bem (...) A relação já estava ruim antes da doença. Descobri depois que eles vinham mantendo uma relação extraconjugal fazia tempo, o que justifica muita coisa que estava ruim no meu casamento. Você sente a pessoa distante, diferente, fria, acha que é uma crise", explicou.

Preta reiterou a importância que o tratamento de sua saúde mental foi fundamental para o processo de cura do câncer. "Eu lidei, no meio de um tratamento oncológico, com uma separação, com uma traição, uma bomba dentro da bomba. Outras pessoas vão ter outros fatores, como problemas profissionais, financeiros, familiares. Mas cuidar da nossa saúde emocional é fundamental para que o tratamento seja bem-sucedido".


Mais Lidas

Guia de Programação: a grade dos canais da TV aberta desta quarta-feira, dia 17 de julho de 2024

As informações são repassadas pelas emissoras de televisão e podem sofrer alteração sem aviso prévio

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895