Restos de herói irlandês do século XVI podem estar em convento na Espanha
capa

Restos de herói irlandês do século XVI podem estar em convento na Espanha

Descoberta arqueológica foi feita em Valladolid

Por
AFP

Descoberta ocorreu em escavações em antiga capela.


publicidade

Especialistas forenses vão realizar testes em 15 esqueletos descobertos em uma antiga capela na Espanha para determinar se algum deles pertence a uma figura histórica irlandesa do século XVI. A descoberta da capela em Valladolid (norte), onde o rebelde irlandês Red Hugh O'Donnell foi sepultado com honras em 1602, despertou muito interesse entre os historiadores da Espanha e da Irlanda. Conhecido como Red Hugh, o jovem irlandês liderou uma rebelião que quase conseguiu expulsar as tropas inglesas de Elizabeth I da Irlanda, fato que detonou uma guerra de nove anos que os rebeldes acabaram perdendo, apesar de contar com a ajuda da Coroa espanhola.

Aos 29 anos, O'Donnell viajou para a Espanha para pedir mais ajuda, mas morreu a caminho de Valladolid, a capital da época. Ele foi enterrado no Convento de São Francisco, na Capela das Maravilhas. A localização da capela, onde Cristóvão Colombo também foi enterrado antes de seus restos mortais serem transferidos para Sevilha, permaneceu cercada de mistério por séculos, mas foi descoberta por arqueólogos no centro da cidade em meados de maio. "Está 100% confirmado que é a capela onde foram enterrados Colombo e Red Hugh. O que não está confirmado é se entre os 15 corpos encontrados, algum deles pertence a Red Hugh O'Donnell", afirmou à AFP Carlos Burgos, presidente da Associação Hispano-Irlandesa e porta-voz da escavação. "Há um que parece ser maior e mais forte que o resto dos corpos e parece que pode ser uma pessoa estrangeira, mais alta que o normal, que pode ser um guerreiro", disse Burgos.


Até agora, apenas metade da capela foi escavada e a equipe arqueológica está conversando com um banco construído em cima da outra parte para obter acesso ao restante. "Este é sem dúvida um local de peregrinação, um lugar importante na história da Irlanda, na história dos irlandeses", comemorou no Twitter Ana Redondo, chefe de Cultura e Turismo de Valladolid. Se for confirmado que esta capela é o local de descanso de O'Donnell, será um fato "impressionante" para a Espanha e a Irlanda, segundo Burgos. Até agora, "irlandeses vinham a Valladolid perguntando sobre Red Hugh e não tínhamos nada, exceto a marca (placa) de alguns anos", disse Burgos.