Rolling Stones, Taylor Swift e outros astros participam de festival virtual contra a Covid-19

Rolling Stones, Taylor Swift e outros astros participam de festival virtual contra a Covid-19

Dezenas de estrelas participaram do espetáculo transmitido em homenagem aos profissionais da área da saúde

AFP

O evento teve curadoria da cantora Lady Gaga

publicidade

Dezenas de estrelas, como Taylor Swift, Paul McCartney e os Rolling Stones participaram no sábado de um espetáculo transmitido pela internet em homenagem aos profissionais da área da saúde que lutam contra o novo coronavírus, que deixa bilhões de pessoas confinadas em suas casas.

Jennifer Lopez, Lizzo, Stevie Wonder, Elton John, entre outros, também se uniram ao evento, que teve curadoria da cantora Lady Gaga e foi apoiado pela ONG internacional Global Citizen em colaboração com a Organização Mundial da Saúde (OMS).

Antes de abrir o megaconcerto de duas horas, com o nome "One World: Together At Home" ("Um Mundo: Juntos em Casa"), Lady Gaga, que colabora há algumas semanas com a Global Citizen e a OMS para arrecadar dinheiro para a luta contra a Covid-19, afirmou que estava rezando pelos profissionais da saúde e também "pensando em todos que estão em suas casas, pensando sobre quando acabará tudo isto". Em seguida, ela cantou "Smile" de Nat King Cole.

Stevie Wonder, que completará 70 anos em maio, tocou, no piano de sua casa, "Lean On Me" de Bill Withers, antes de continuar com "Love's In Need Of Love Today". Mick Jagger, 76 anos, cantou o clássico "You Can't Always Get What You Want" ao lado dos demais integrantes dos Stones, cada um tocando de suas respectivas casas. Taylor Swift também optou pelo piano para uma versão sóbria de "Soon You'll Get Better".

A Global Citizen classificou o evento - transmitido pelos principais canais de televisão americanos e apresentado pelos três principais nomes dos talk-shows noturnos nos Estados Unidos: Jimmy Fallon, Jimmy Kimmel e Stephen Colbert - não como uma campanha de arrecadação, e sim como um momento de união por meio da música.

A ONG afirmou que também buscava gerar "um grito mobilizador" para colaborar com os profissionais da área da saúde, no momento em que a pandemia mantém 4,5 bilhões de pessoas confinadas em casa. Antes do evento, a organização pediu a filantropos e aos governos que apoiem a OMS em sua resposta contra o coronavírus. 

Após o "One World: Together At Home", a ONG Global Citizen e a cantora Lady Gaga anunciaram nas redes sociais que o programa conseguiu arrecadar 127,9 milhões de dólares, que serão destinados aos profissionais que lutam contra a pandemia de Covid-19.


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895