Uma quinta com dança e comédia na rede

Uma quinta com dança e comédia na rede

Agenda tem espetáculo de dança da Cia. Gente pelo Sesc SP e comédia com Eduardo Martini pela plataforma Zoom

Vera Pinto

Cia. Gente apresenta "verTigem", às 21h30min, pela série Dança #emcasacomsesc

publicidade

Eduardo Martini estreia “A Vida é Sua, a Norma é Nossa”, de autoria de Anderson Dy Souza, hpje, às 21h, pela plataforma Zoom. Ele interpreta Norma, uma solitária cinquentona que entediada com o cotidiano, acaba se metendo na vida alheia, causando confusão ao embaralhar informações. “A Norma representa esse pessoal que acha que está por dentro de tudo, mas na verdade, não está. Ela conclui a vida dos outros com informações imprecisas, não medindo as consequências. Por conta da solidão, ela sente essa necessidade de informações alheias. Muitas pessoas são assim”, diz Martini.

Idealizada para ser apresentada presencialmente, “a comédia marca os 43 anos de carreira do artista, que em 2019 foi um dos homenageados do Prêmio do Humor, criado por Fábio Porchat. O ator trabalhou ao lado de Chico Anysio e Dercy Gonçalves em “A Escolinha do Professor Raimundo”, das novelas “O Clone” e “Deus Nos Acuda” e do programa de Hebe Camargo, com a personagem Neide Boa Sorte. No teatro, participou de “A Chorus Line”, “Splish Splash”, “Não Fuja da Raia”, “Na Medida do Possível”, “Quem Tem Medo de Itália Fausta?”, “I Love Neide” e “Até que o Casamento nos Separe”, em parceria com Suzy Rêgo. Ingressos via Sympla. 

A Cia Gente apresenta "verTigem", hoje, às 21h30min, pela série Dança #EmCasaComSesc, dando continuidade à estética do desequilíbrio, pesquisa presente em seu repertório.  O espetáculo se reapropria de cenas de apresentações anteriores, buscando  um lugar de estranhamento e um diálogo para o movimento duplo, entre a primeira rotação de embriaguez do gesto e o burilamento no corpo de cada intérprete que teima em dançar a vida. Movimento agora também reconfigurado pelo isolamento social.

Em cena, os criadores-intérpretes Pedro Henrique Brum e Lucas Nunes. Brum é produtor, editor e diretor audiovisual e dançarino, com produções e estudos entre audiovisual e danças urbanas, e, em 2017, ganhou a eliminatória brasileira do festival internacional Urban Films Festival com o curta "Próxima Parada", que dirigiu e roteirizou. Nunes atua em coletivos urbanos, nos quais realiza performances dentro de metrôs como geração de renda contínua e atuou em festivais internacionais, como o Visões Urbanas (SP, 2019) e a Bienal Sesc de Dança (Campinas, 2017). A transmissão será via youtube.com/sescsp e instagram.com/sescaovivo. 

 

 

 


publicidade

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895