Velocidade nas pistas
capa

Velocidade nas pistas

"Ford vs Ferrari" conta conta a história real de Carroll Shelby e Ken Miles, que nos anos 1960 se uniram para tentar vencer as 24 horas de Le Mans

Por
Chico Izidro

Christian Bale e Matt Damon estão perfeitos em seus papéis

publicidade

Com direção de James Mangold, "Ford vs Ferrari" conta conta a história real de Carroll Shelby (Damon) e Ken Miles (Bale), que nos anos 1960 se uniram para tentar vencer a difícil prova automobilística 24 horas de Le Mans, na França. O título do filme se refere a rixa entre as empresas norte-americana Ford, e a mítica italiana Ferrari, dominante nas pistas. A primeira tentou absorver a segunda, mas sem sucesso.

Ambicioso, e querendo repetir o sucesso de seu avô Henry Ford, Henry Ford II (Tracy Letts) liberou sua equipe para criar um carro potente e que conseguisse bater de frente com as máquinas italianas. Para alcançar esse objetivo sua equipe de marketing contrata Shelby,  lendário piloto que teve  de abandonar a profissão por causa de problemas de saúde, e que então se dedicava à produção e revenda de veículos.

Shelby por sua vez contata Miles, um engenheiro britânico que motava nos Estados Unidos com a família  formada pela esposa Mollie (Caitriona Balfe) e pelo filho Peter (Noah Jupe). Miles, no entanto, era uma pessoa de difícil trato, beirando a loucura nas pistas, mas ousado. Os dois fariam história no automobilismo.
Christian Bale e Matt Damon estão simplesmente perfeitos em seus papéis.

"Ford vs Ferrari" impressiona ainda pela excepcional restituição de época, e ainda consegue transporta o espectador para o interior dos carros voando a mais de 300 quilômetros por hora, em cenas de arrepiar. O único problema do longa é tentar demonizar os italianos. Já que não existe espaço para vilões, os europeus são vistos sempre de cara fechada ou misteriosa.

Leia demais posts do blog