capa

E a fogueira das vaidades? ​

Ela acabou com o Clube dos 13. Ela e outras coisitas, como o jogo de interésses

publicidade

Certa vez ouvi de Romildo Bolzan da necessidade de os clubes serem donos dos seus destinos.
Não sugeriu a criação de uma entidade como o extinto Clube dos 13, por exemplo, de relevante importância.
O nome desta nova associação pouco importa.
O que está evidente é que assim, no ritmo do ditado “cada um por si e Deus por todos”, a maioria perde.
Ouço do vice-presidente do Inter, Alexandre Chaves Barcellos, que está caindo de maduro a criação desta associação.
Concordo.
Mas e a fogueira das vaidades?
Ela acabou com o Clube dos 13. Ela e outras coisitas, como o jogo de interésses.