Grêmio, Inter e Juventude: a briga de cada um

Grêmio, Inter e Juventude: a briga de cada um

Grêmio, Inter e Juventude lutam por objetivos diferentes nos Brasileiros das Série A e B nesta reta final de temporada.

Hiltor Mombach

Mercado e Suárez disputam a bola no Gre-Nal 438

publicidade

Grêmio, Inter e Juventude lutam por objetivos diferentes nos Brasileiros das Série A e B nesta reta final de temporada.
O Grêmio ainda tem chances remotas de título.
A realidade  é uma vaga na Libertadores.

O cálculo que segue é para terminar no G-4.
Mantido o aproveitamento atual do quarto colocado, de 58%, quem fizer 67 pontos garante vaga direto.
O Grêmio tem 44 pontos. Precisaria de mais 23 dos 39 que ainda disputará.

No momento, o Inter luta contra o rebaixamento.
A média histórica para não cair é de 46 pontos.
O Inter tem 29 e aproveitamento de 38%.

Precisaria de mais 17 pontos, ou de um aproveitamento de 51,5%.
Embora no momento, com 25 rodadas realizadas, o Santos esteja escapando com 36% de aproveitamento.
Projetando esta média, quem fizer 42 pontos se salvará.

Pelas últimas 10 edições da Série B, a média de  pontos  necessários para terminar no G-4 bate nos 62 pontos.
O Juventude é terceiro com 53.
Restam oito rodadas, 24 pontos para serem disputados.

Precisaria de mais nove, de um aproveitamento de 37,5%.
No ano passado, Bahia e Vasco subiram para a Série A do Brasileiro com 62 pontos. 


Mais Lidas





Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895