O futebol é ainda menos justo
capa

O futebol é ainda menos justo

Se o Inter não tivesse vencido a Chape, provavelmente estaríamos tratando de especulações sobre a queda de Odair

publicidade

Por Carlos Corrêa

"Na vida, o tempo cura e ameniza. 
No esporte não. 
No esporte você precisa vencer. 
Não existe tempo para esperar amenizar a dor da perda. Existe vencer”. 
A vida nem sempre é justa. 
O futebol é ainda menos justo. 
A frase de Odair Hellmann após o duelo contra a Chapecoense, ontem pela manhã, é tão melancólica quanto verdadeira. 
Ao deixar escapar o título da Copa do Brasil, o Inter se viu pressionado como há muito tempo não se via. 
Houve vaias no anúncio do time e murmúrios de insatisfação nas arquibancadas ao longo da partida. 
Não é justo, mas no futebol é natural, infelizmente.
Depois de derrotas doídas, o esperado é que grande parte da torcida que vá no jogo seguinte seja muito mais para cornetear e pressionar do que apoiar. 
Se o Inter não tivesse vencido a Chape ontem, provavelmente estaríamos tratando de especulações sobre a queda de Odair, sendo uma possível troca justa ou não.
Afinal, no futebol não há tempo.