"Saio eu do grupo que ajudei a fundar 15 anos atrás"
capa

"Saio eu do grupo que ajudei a fundar 15 anos atrás"

Antonio Vicente Martins deixou o Movimento Grêmio Independente

publicidade

Antonio Vicente Martins deixou o Movimento Grêmio Independente.
Foram 15 anos de atuação.
Seguem os motivos, publicados na rede social.

"Há uma proposta de reforma estatutária no Grêmio que prevê a criação de conselheiros biônicos, com direito a voto, de conselheiros com mais de 70 anos e com no mínimo 4 mandatos.
O MGI - Movimento Grêmio Independente - decidiu não fechar questão contra a proposta que para mim viola a democracia e os princípios do MGI.
Todos dizem que são contra, mas que não fecham questão para conseguir fechar um acordo político.
Não entendo que seja uma questão que se possa transigir.
Saio eu do grupo que ajudei a fundar 15 anos atrás.
Faço política desde os meus 15 anos de idade.
Sei bem que se pode transigir em muitas coisas, sei que em política o nunca pode ser um talvez, e o talvez pode ser um sempre. No entanto, há coisas que são imprescindíveis na política, a democracia, o voto.
Não pode haver mandato sem o voto.
Não pode haver mandato sem eleição.
Ao não se posicionar como um ponto fechado do movimento ser contra a criação do conselheiro biônico, espelho de uma criação jurídica da ditadura militar, o movimento sinaliza que transige em algum substantivo para poder ter maior poder de barganha na formação de uma chapa que reúna todos os grupos do Grêmio, de situação e oposição, sem qualquer compromisso programático entre eles, apenas a conveniência de um acordo para não haver eleições.
Continuo meu mandato até 2022 de forma independente, sempre defendendo o que acho importante para o Grêmio e para a democracia e a transparência da gestão do clube.
Deixo meu abraço e agradecimento a todos os companheiros e companheiras que caminharam comigo nestes 15 anos do movimento e que me apoiaram em pelo menos 2 vezes que fui candidato a Presidente do Grêmio. Abraço meu amigo e irmão Homero Bellini Junior, uma referência pessoal.
Na assembleia de alteração estatutária que fará o exame da proposta de criação do conselheiro biônico votarei contra."