Thiago Neves: sem produtividade

Thiago Neves: sem produtividade

Assinou pelo salário. Ganhava R$ 700 mil/mês no Cruzeiro


publicidade

A informação que obtive é esta: o meio-campista Thiago Neves não assinou contrato de uma temporada com o Grêmio com cláusulas de produtividade  metas por rendimento. 
Assinou pelo salário. Ganhava R$ 700 mil/mês no Cruzeiro. 
Perguntei se receberia a metade, R$ 350 mil/mês, no clube gaúcho. 
Não obtive resposta. 
Cláusulas de produtividade fazem supor que para serem atingidas o jogador tem que ser obrigatoriamente escalado pelo treinador. 
Como seria ter Thiago Neves no banco de reservas?
 Em breve, ao dinheiro que receberá do Grêmio o meio-campista agregará a grana do Cruzeiro. 
Estaria movendo ação judicial  de R$ 16 milhões.