Vem aí um domingo de grandes jogos na Superliga Argentina
capa

Vem aí um domingo de grandes jogos na Superliga Argentina

Newell's e Central vão se enfrentar no domingo

publicidade

A 18ª rodada da Superliga Argentina 2018/19 abre nesta sexta-feira com três partidas. Serão outros três jogos no sábado, mas são os clássicos de domingo que geram grande expectativa.

 

O domingo reserva dois grandes clássicos do futebol argentino. Líder da Superliga, o Racing vai encarar o atual campeão da América River Plate no Monumental de Núñez em jogo marcado para as 20h20min. Um pouco antes, às 18h10min, em Rosario, Newell’s Old Boys e Central vão se enfrentar no maior clássico do interior da Argentina.

 

Líder com 42 pontos, o Racing vai ao Monumental precisando de pelo menos um empate para garantir a permanência na liderança isolada ao término da rodada – o vice-líder Defensa y Justicia, com 39 pontos, joga apenas na segunda-feira. O time de Eduardo Coudet ainda terá a missão de frear o crescimento do River Plate, que vem de duas vitórias seguidas na competição. Será o primeiro encontro entre os dois times após a disputa das oitavas de final da Libertadores, quando o River levou a melhor com uma goleada de 3 a 0 em Núñez.

 

Apenas o sétimo colocado com 25 pontos – e um jogo a menos -, o River Plate joga neste domingo a sua última esperança de ainda brigar pelo título. O time de Marcelo Gallardo vai buscar ainda sua primeira vitória em casa no ano após as derrotas seguidas para Defensa y Justicia, Unión de Santa Fe e Patronato.

 

Prováveis escalações

River: Armani; Mayada (Rojas), Martínez Quarta, Pinola, Casco; De La Cruz, Enzo Pérez, Palacios; Quintero; Borré e Pratto.

Racing: Arias; Saravia, Sigali, Donatti, Mena; Marcelo Díaz; Guillermo Fernandez, Nery Cardozo, Zaracho; Lisandro López e Cristaldo.

 

Clássico rosarino

A tarde de domingo reservará um dos clássicos de maior rivalidade do futebol argentino. No Marcelo Bielsa, o Newell’s Old Boys vai receber o Rosario Central em um jogo que gera grande expectativa. O confronto será o primeiro entre os dois clubes após a semifinal da Copa Argentina de 2018 em que o Central levou a melhor eliminando o rival antes de se tornar campeão na decisão contra o Gimnasia de La Plata.

 

Os dois times fazem campanhas discretas na Superliga. O Newell’s é o 15º colocado, com 20 pontos, enquanto o Central aparece em 17º, com 19. Em um clássico desse tamanho, no entanto, as posições na tabela pouco importam. Cada um buscará se impor sobre o rival.

 

No desejo de revanche após a derrota na Copa, o Newell’s terá na presença da Maxi Rodríguez um trunfo para este domingo. Será o primeiro clássico do ídolo após seu retorno ao clube no começo deste ano.

 

Provável escalação do Newell's: Aguerre; Nadalín, Callegari, Fontanini, Bittolo; Cacciabue, Rivero, Formica; Figueroa, Leal, Maxi Rodríguez.

 

Embalado pelo título da Copa Argentina, o Rosario Central iniciou a temporada em alta em relação ao rival. O time de Edgardo Bauza, porém, ainda não venceu em 2019. Contando os amistosos de verão, os Canallas somam três derrotas e um empate no ano.

 

Provável escalação do Central: Ledesma; Bettini, Caruzzo, Barbieri, Parot; Allione, Rinaudo, Gil, Camacho; Riaño, Zampedri.

 

Tevez no banco

O domingo de futebol na Superliga será encerrado com o confronto entre Belgrano e Boca Juniors, às 22h30min, em Córdoba. O técnico Gustavo Alfaro confirmou em coletiva na sexta-feira que Mauro Zárate será o companheiro de Darío Benedetto no centro do ataque xeneize. Com isso, Carlos Tevez vai ficar no banco de reservas.

 

Alfaro evitou falar em diferenças de rendimento entre os dois atletas e disse que a opção por Zárate se dá pela forma como o Belgrano joga. A verdade é que o ex-jogador do Vélez tem tido um início de 2019 muito superior ao de Tevez. Em três jogos na Superliga, Mauro Zárate acumula dois gols e duas assistências enquanto Carlitos ficou devendo nas duas partidas que foi titular, contra Newell's e Godoy Cruz.

 

Os jogos da 18ª rodada da Superliga: