Festa da diversidade literária
capa

Festa da diversidade literária

Por

publicidade

Laerte_foto_RafaelRoncato Laerte em foto de Rafael Roncato


 

 “Para o artista da prosa o mundo encontra-se repleto das palavras dos outros, entre as quais deve orientar-se e cujas características discursivas deve ser capaz de discernir graças um ouvido muito bem treinado.”  Mikhail Bakhtin.

 

A 9ª FestiPoa Literária começa nesta quarta com os artistas gráficos Eloar Guazzelli e Laerte Coutinho, que recebe homenagem do evento

 

Por Luiz Gonzaga Lopes

 

Já houve um tempo em que a literatura era discutida de forma sisuda, com mesas estanques, eventos nos quais o painelista fala e o público escuta. Isto não mudou totalmente, mas as festas, festivais e baladas literárias são uma realidade e a literatura não pode se dissociar mais do conceito de um evento artístico como um todo. Com este espírito, a FestiPoa Literária entra em sua 9ª edição neste 2016. O evento terá como pessoa homenageada, a cartunista Laerte Coutinho, participará da abertura da festa, nesta quarta, dia 18, às 19h30min, no Bar Ocidente (Osvaldo Aranha esquina João Telles), em bate-papo com o anfitrião do evento, Eloar Guazzelli, e a jornalista Nanni Rios. Para essa noite de abertura, estão programadas outras atividades no mesmo local, com entrada franca: leituras de Angélica Freitas e Luna Vitrolira, show de Valéria Houston e das Batucas – orquestra feminina de bateria e percussão.

 

Conforme o idealizador e curador da FestiPoa, Fernando Ramos, o evento segue a sua especificidade de buscar aproximar os leitores da literatura feita no país e provocar o debate de ideias a partir da leitura de obras literárias. “A ideia da diversidade está numa das linhas de pensamento de elaboração da festa literária, da expressão de escritores e artistas de todos os gêneros. Neste ano, reforçamos ainda mais a participação das mulheres, convidando escritoras e poetas e também as artistas gráficas, como Ana Terra, Carla Pilla e Erica Maradona, que será na sexta, na Palavraria”, comenta Ramos. O time de convidados da FestiPoa é de encher de letras a cidade. Além de Laerte e Guazzelli, a festa literária terá mais de 40 convidados, como Cíntia Moscovich, Ismael Caneppele, Paulo Scott, Angélica Freitas, Eliane Marques, Elvira Vigna, Marcelo Backes, Ricardo Silvestrin, Júlia Dantas, Negra Jaque, Maria Rezende, José Pedro Goulart, Xadalu e Deborah Finocchiaro.

 

Uma das mesas mais interessantes das que trabalham a afirmação de gênero, vai um destaque para “Um Teto Todo Nosso: as escritoras e os espaços literários, que terá participação de Júlia Dantas, Cíntia Moscovich e Eliane Marques, leituras de Eliana Guedes e mediação de Priscila Pasko, na quinta, às 18h30min, na Palavraria (Vasco da Gama, 165). O tema foi desenvolvido este ano no blog de literatura feita por mulheres, chamado Veredas, criado pela jornalista Priscila Pasko para o portal de jornalismo Nonada: http://www.nonada.com.br/category/veredas. Na postagem de 25 de fevereiro de 2016, Priscila trabalhou a partir do ensaio “Um Tedo Todo Seu”, de 1929, baseado em dois artigos escritos por Virginia Woolf e lido em duas universidades inglesas, no qual ela dizia que: “para as mulheres, é necessário ter quinhentas libras por ano e um aposento com tranca na porta para escrever ficção ou poesia".

 

No texto de Priscila, intitulado “Um tempo todo seu – as escritoras e o ambiente doméstico no processo da escrita” (http://www.nonada.com.br/2016/02/um-tempo-todo-seu), sete escritoras deram seus depoimentos de como conseguem o espaço para a sua ficção em meio a tantas atividades. Participaram as autoras como Socorro Acioli (CE); Monique Revillion e Carina Luft (RS); Marta Barcelos (RJ); Karin Krogh e Sheyla Smanioto (SP); e Regina Lúcia de Azevedo Melo (AM).  Durante a mesa, a jornalista irá anunciar a primeira edição do Prêmio Veredas Carmen da Silva para Literatura de Autoria Feminina. Segundo Priscila, o prêmio tem o intuito de privilegiar e garantir o protagonismo da mulher na criação, promoção e reconhecimento de sua escrita.
A festa terá leituras, lançamentos, oficinas, debates, shows, teatro, saraus, cinema, exposições, recitais e performances. Serão quase duas dezenas de atividades que ocorrerão em espaços culturais como Instituto Goethe, Palavraria, Sala de cinema PF Gastal, Ocidente Bar, Casa de Teatro, Aldeia – Espaço Cultural, Galeria Hipotética, Cartum bar e Ibis Style Hotel. Veja programação completa abaixo:

 

PROGRAMAÇÃO

DIA 18/05 - QUARTA-FEIRA

Abertura

19h30 - ELOAR GUAZZELLI conversa com LAERTE COUTINHO. Mediação: NANNI RIOS

Projeções

biAhweRTher e Otto desenhos animados

Performance

León Rojas

Música

21h - As Batucas - Orquestra Feminina de Bateria e Percussão

Leituras

21h30 - Angélica Freitas e Luna Vitrolira

Valéria Houston

Música

22h - Valéria Houston

Djs: Nanni Rios, Julia Barth, Joelma Terto e Manoel Canepa

Local: Ocidente Bar

 

DIA 19/05 - QUINTA-FEIRA

Mesa 1 – Um teto todo nosso: as escritoras e os espaços literários

18h30 – JÚLIA DANTAS, CÍNTIA MOSCOVICH e ELIANE MARQUES

Leituras: ELIANA GUEDES. Mediação: PRISCILA PASKO

Mesa 2 – Encontro com

20h – PAULO SCOTT e ELVIRA VIGNA. Mediação: MOEMA VILELA

Local: Palavraria

Cinema

19h30 - Exibição de TROPYKAOS (Direção: Daniel Lisboa) e debate com o ator GABRIEL PARDAL e a documentarista CAROL ARAUJO

Local: Sala P.F. Gastal (Usina do Gasometro)

Exposição

21h – Abertura da exposição coletiva Ao volante – ilustrações para poema de Fernando Pessoa

22h – Over woman, festa-homenagem às artistas gráficas

Local: Café Cartum

DIA 20/05 - SEXTA-FEIRA

Mesa 3 – Bate-papo com as artistas

18h30 – ANA TERRA, ERICA MARADONA e CARLA PILLA. Mediação: FABRIANO ROCHA

A Cidade dos piratas - conversa com

19h30 – PILAR PRADO e OTTO GUERRA

Mesa 4 – Corpo-ficção-poesia-corpo-movimento

20h – ISMAEL CANEPPELE, CARINA SEHN e GABRIEL PARDAL

Mediação: NATASHA CENTENARO

Local: Palavraria

Festa Pornopopeia em Venus

22h30 - CARINA SEHN (performance), RAFAELA MASONI (DJ), ISMAEL CANEPPELE (DJ), BOBBY BAQ (Poesia), LUNA VITROLIRA (Poesia) e ELIZEU BRAGA (Poesia)

Local: Casa Frasca

 

DIA 21/05 - SÁBADO

Papelera, edição especial

14h30 a 20h – Lançamentos de livros, revistas, zines e feira

Mesa 5 - Bate-papo com

14h30 – JOSÉ PEDRO GOULART e PAULO SÉRGIO GUEDES

Leitura A melhor maneira de dizer tudo em 6 minutos

15h34 – NATÁLIA NODARI

Performance: Inspirado em traços reais

15h40 - Bruno Cardoso (performance), Reginaldo Pujol Filho (texto)

Sou Negritude e feminismo

16h – NEGRA JAQUE

Mesa 6 – Estados em Poesia – leituras com os poetas

16h30 – MARIA REZENDE (RJ), EVERTON BEHENCK (RS), LUNA VITROLIRA (PE), NICOLAS NARDI (RS), DIEGO DOURADO (MA), ELIZEU BRAGA (RO), BOBBY BAQ (SP), SAMUEL LUIS BORGES (SP)

Mesa 7 - Explosão

18h30 – MARCELO BACKES comenta o romance Explosão (Hubert Fichte) e lê trechos do livro ainda inédito no Brasil

Local: Goethe Instut Poa

Lançamentos e leituras

20h30 – RICARDO SILVESTRIN (Thypographo), ESCOBAR NOGUEIRA (Borges vai ao cinema com Maria Kodama)

Espetáculo de poesia Carne do umbigo

21h30 – MARIA REZENDE

Festa Gandaia

22h30 - Djs Rafael Ferretti e Pitti Sgarbi

Local: Casa de Teatro

 

DIA 22/05 - DOMINGO

Cidade Sarau

16h a 18h – Sarau coletivo reunindo escritores que fazem saraus em Porto Alegre

Local: Ibis Style Hotel

Recital Caio F – em construção

18h30 – DEBORAH FINOCCHIARO e FERNANDO SESSÉ

Mesa 8 - Arte nas ruas e intervenção urbana

19h – VITAL LORDELO e DIONE MARTINS XADALU. Mediação: NICOLAS NARDI

Local: Aldeia, espaço cultural

 

OFICINAS:

ANGÉLICA FREITAS (poesia) - oficina exercícios poéticos e tradução, dirigida a pessoas que já escrevem poesia; na oficina serão traduzidos e reescritos poemas e comentados os resultados. Inscrições no aldeia252@gmail.com

Dias 17 e 19 de maio

Local: Aldeia - espaço cultural

ELOAR GUAZZELLI (desenho e direcao de arte) - oficina com foco no desenho e suas aplicações, tanto no audivisual, quanto nas ilustrações e nos quadrinhos. Inscrições pelo telefone: 51-3013-2015

Dia 19 de maio

Local: Galeria Hipotética

 

FILME

Tropykaos (direção: Daniel Lisboa; elenco: Gabriel Pardal, Manu Santiago, Dellani Lima, Edgard Navarro) – exibição dia 19 de maio, às 19h30, na Sala PF Gastal (Usina do Gazometro), e debate com o ator GABRIEL PARDAL e a documentarista CAROL ARAUJO.