Deu Vettel de novo em Abu Dhabi e o resto do grid lutou pelas sobras da Red Bull

Deu Vettel de novo em Abu Dhabi e o resto do grid lutou pelas sobras da Red Bull

publicidade



Ficou, portanto, atrás de Lewis Hamilton que, para variar, andou a prova toda reclamando dos malditos pneus e torrando a paciência dos seus engenheiros com seu bom humor. No fim, sétimo lugar foi de bom tamanho para o azedume, atrás de Paul Di Resta, que tinha desaparecido no meio da temporada e voltou a fazer uma boa prova com a Force India. Romain Grosjean foi o quarto com a Lotus, numa corrida em que pouco disputou posição com os outros. Mais atrás, Sérgio Perez da McLaren e Adrian Sutil completaram os que marcam pontos.

Por fim, uma menção a Nico Hulkenberg e sua Sauber. Depois de largar de um ótimo quinto posto do grid, o alemão teve uma corrida para esquecer, perdendo a chance de fazer pontos com uma punição por saída perigosa dos boxes. No final, contudo, teve a oportunidade de fazer a ultrapassagem da corrida. Se espremeu entre duas Toro Rosso e foi frear para lá do ai meu deus, assumindo o 14º lugar.

Confira o resultado:
 1.  Sebastian Vettel     Red Bull-Renault      1h38m06.106s 
2. Mark Webber Red Bull-Renault +30.8s
3. Nico Rosberg Mercedes +33.6s
4. Romain Grosjean Lotus-Renault +34.8s
5. Fernando Alonso Ferrari +1m07.1s
6. Paul di Resta Force India-Mercedes +1m18.1s
7. Lewis Hamilton Mercedes +1m19.2s
8. Felipe Massa Ferrari +1m22.8s
9. Sergio Perez McLaren-Mercedes +1m31.1s
10. Adrian Sutil Force India-Mercedes +1m33.2s
11. Pastor Maldonado Williams-Renault +1m35.9s
12. Jenson Button McLaren-Mercedes +1m43.6s
13. Esteban Gutierrez Sauber-Ferrari +1m44.1s
14. Nico Hulkenberg Sauber-Ferrari +1 volta
15. Valtteri Bottas Williams-Renault +1 volta
16. Daniel Ricciardo Toro Rosso-Ferrari +1 volta
17. Jean-Eric Vergne Toro Rosso-Ferrari +1 volta
18. Giedo van der Garde Caterham-Renault +1 volta
19. Charles Pic Caterham-Renault +1 volta
20. Jules Bianchi Marussia-Cosworth +2 voltas
21. Max Chilton Marussia-Cosworth +2 voltas

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895