capa

Atlético-MG e Santos não saem do 0 a 0 no Horto pela Copa do Brasil

Confronto de volta acontece no próximo dia 6 de junho, no Pacaembu

Por
José Alfredo Possas

Galo melhorou na segunda etapa, mas nenhuma das equipes conseguiu alterar o marcador

publicidade

Atlético Mineiro e Santos abriram, na noite de hoje, na Arena Independência, em Belo Horizonte, as oitavas de final da Copa do Brasil. E não saíram do 0 a 0. A volta será em 6 de junho, no Pacaembu. Quem vencer avançará e novo empate, com ou sem gols, obrigará a decisão será nos pênaltis.

Na etapa inicial, o Santos jogou como se estivesse em casa. O Peixe tomou a iniciativa e propôs o jogo, inclusive criando chances e dando trabalho ao goleiro atleticano Victor.

O Galo melhorou na fase final. A marcação está mais avançada e firme, que vem gerando erros na saída de bola. Com a transição rápida, o time mineiro levou mais perigo ao Peixe. 

A melhor oportunidade foi aos 30 minutos, quando Guga cruzou e o volante Elias, na área finalizou, mas a bola bateu em Lucas Veríssimo. Os atleticanos reclamaram um toque no braço do zagueiro. O árbitro catarinense Rodrigo Ferreira consultou o VAR e marcou apenas o escanteio. Depois o Atlético pressionou, mas não conseguiu marcar.

Os oito classificados serão definidos entre o final de maio e o começo de junho. Cabe destacar que o gol fora não é critério de desempate − ou seja, empate no escore agregado leva a disputa para os tiros livres.