Bahia supera expulsão no início e busca empate contra o Goiás
capa

Bahia supera expulsão no início e busca empate contra o Goiás

Equipes ocupam posições intermediárias na tabela de classificação do Campeonato Brasileiro

Por
AE

Bahia buscou empate e manteve sequência de cinco jogos sem derrotas no Brasileirão

publicidade

Com um jogador a menos desde os seis minutos do primeiro tempo, quando Moisés foi expulso, o Bahia buscou o empate por 1 a 1 diante do Goiás na tarde deste domingo, na Arena Fonte Nova, em Salvador, pela 15ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Com o resultado, o time baiano acumulou a sua quinta partida seguida sem derrota no Brasileirão, mas continuou em zona intermediária da tabela, com 21 pontos, em décimo lugar. O Goiás, com 18, é o 12º colocado. E a equipe não conquista uma vitória há seis partidas - a última foi sobre o Athletico Paranaense, em junho, por 2 a 1.

No duelo deste domingo, o técnico Roger Machado viu seu esquema ir por água abaixo logo aos seis minutos do primeiro tempo, quando Moisés fez dura falta de Jean Carlos e foi expulso, após Raphael Claus consultar o VAR (árbitro de vídeo). Com dez em campo, o Bahia se viu obrigado a recuar, mas ainda assim conseguiu criar a primeira grande oportunidade da partida. Artur recebeu de Fernandão e arriscou. A bola bateu na rede pelo lado de fora.

Ney Franco resolveu, então, colocar o time no ataque e promoveu a entrada de Marlone. O Goiás também ficou exposto e viu Tadeu fazer grande defesa em cobrança de falta de Lucca para evitar o gol do Bahia. Aos poucos, o time esmeraldino foi se encontrando no jogo e começou a sufocar o rival.

Aos 33 minutos, Marcelo Hermes cobrou escanteio na cabeça de Fábio Sanches, que subiu sozinho para mandar para o gol, no ângulo de Douglas. Atrás do placar, o Bahia não conseguiu reagir na etapa inicial e foi para o intervalo em desvantagem. 

O segundo tempo começou movimentado. Logo aos três minutos, Yago Rocha cruzou para Marlone, que mandou de cabeça e por muito pouco não encobriu Douglas. A resposta do Bahia veio em testada à queima-roupa de Fernandão. Tadeu fez um "milagre" para salvar a equipe esmeraldina.

Mesmo com um jogador a menos, o Bahia foi equilibrando as ações e chegou ao gol de empate aos 25 minutos. Após bate e rebate dentro da área do Goiás, Guerra pegou de primeira para fazer 1 a 1. Com o placar em igualdade, o time baiano recuou, segurou o adversário e acabou conquistando um ponto importante na luta por seus objetivos na competição. 

Na próxima rodada, o Bahia enfrenta o Atlético Mineiro no sábado, às 11 horas, no estádio Independência, em Belo Horizonte. No domingo, às 16h, o Goiás recebe o Inter no Serra Dourada, em Goiânia.