Com Geromel, Grêmio encara o Botafogo pelo Brasileirão em busca de "tranquilidade"

Com Geromel, Grêmio encara o Botafogo pelo Brasileirão em busca de "tranquilidade"

Tricolor está somente dois pontos à frente do primeiro colorado na zona de rebaixamento

Rafael Peruzzo

Tricolor começa a rodada na 14ª colocação na tabela

publicidade

A constrangedora campanha do Grêmio no Campeonato Brasileiro, agravada pelo mau futebol apresentado na competição, parece não passar. O fantasma da zona de rebaixamento tem rondado a Arena. Nesta quarta-feira, a partir das 19h15min, o Tricolor recebe o Botafogo pela 16ª rodada da competição nacional. E quando a situação na tabela é inquietante, a pressão pela vitória sempre é mais forte. Somar três pontos esta noite é imprescindível.

CORREIO DO POVO TRANSMITE A PARTIDA MINUTO A MINUTO A PARTIR DAS 19h15min 

“As cobranças são muito fortes internamente. Todos têm a noção e a consciência do que deve ser feito”, garantiu nesta terça-feira o presidente Romildo Bolzan Júnior em uma live organizada pela TV oficial do clube. “Nossa situação (no Campeonato Brasileiro) não é satisfatória, é indesejável, não estava prevista, temos que reagir. A indignação é de todos, ninguém está satisfeito”, comentou Romildo Bolzan. 

De fato, o desempenho do Grêmio tem assustado a torcida. A diretoria reafirma a confiança na comissão técnica e não teme um possível rebaixamento à Série B. “Não tenho nenhum medo de ser rebaixado, nada de receio nesse sentido. O elenco é suficiente para passar por essa dificuldade momentânea. Uma coisa pode ter segurança: nós não vamos ser rebaixados”, acrescenta o dirigente. “Tínhamos a perspectiva de fazer um campeonato muito melhor, essa é uma realidade”, finalizou. 

O Tricolor começa a rodada na 14ª colocação na tabela, somente dois pontos à frente do primeiro rebaixado, que hoje é o Corinthians. O desempenho na Arena também compromete. São 21 pontos disputados em casa e 10 conquistados, aproveitamento inferior a 50%.

Geromel retorna, mas Kannemann deve ser preservado

Renato Portaluppi deverá escalar um time bem diferente daquele derrotado pelo Santos no domingo. Geromel e Walter Kannemann estão recuperados da Covid-19 e trabalhando normalmente no CT Luiz Carvalho. O argentino é dúvida por ainda não se encontrar na melhor forma. O mesmo vale para Jean Pyerre, outro que contraiu coronavírus e já vem treinando com o grupo. Na lateral-esquerda, Diogo Barbosa deve ganhar a concorrência com Cortez. 

O meio-campo terá a volta de Matheus Henrique e poderá contar com o ingresso de Maicon desde o início da partida, na formatação considerada ideal. Alisson, que ficou de fora dos últimos dois jogos por conta do desgaste físico, reforça a equipe.

O Botafogo é um concorrente direto, tem um ponto a mais que o Grêmio (18 a 17) e está embalado após vencer duas consecutivas, contra Palmeiras e Sport.

Campeonato Brasileiro 2020 - 16ª rodada

Grêmio

Vanderlei; Orejuela, Pedro Geromel, Rodrigues (Rhuan) e Diogo Barbosa (Bruno Cortez); Lucas Silva, Matheus Henrique e Robinho (Maicon, Isaque); Alisson, Pepê e Diego Souza. Técnico: Renato Portaluppi. 

Botafogo

Diego Cavalieri; Kevin, Kanu, Sousa, Victor Luís; Caio Alexandre, Guilherme Santos, Keisuke Honda; Kalou (Matheus Babi), Pedro Raul, Rhuan. Técnico: Bruno Lazaroni

Local: Arena do Grêmio, Porto Alegre (RS)

Data e hora: 14/10, às 19h15min

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895