Flamengo x Grêmio no Maracanã: relembre como foi o confronto no Brasileirão 2023
Correio do povo Logo

Receba as principais notícias do Grêmio no seu WhatsApp

Inscrever-se WhatsApp Logo

Flamengo x Grêmio no Maracanã: relembre como foi o confronto no Brasileirão 2023

Tricolor criou várias chances de gol com Suárez, mas saiu derrotado por 3 a 0

João Paulo Fontoura

Kannemann foi o capitão gremista no Maracanã

publicidade


Flamengo e Grêmio se reencontram nesta quinta-feira à noite no Maracanã, palco de recentes jornadas de más recordações dos gaúchos diante dos cariocas. Em 2023 até quando a atuação foi boa, o placar foi desfavorável. Os 3 a 0 para o time na época treinado pelo argentino Jorge Sampaoli foi válido pela 10ª rodada do Brasileirão, em uma das raras vezes em que Suárez criou várias chances, mas não balançou as redes.

Renato Portaluppi, prevendo um adversário agressivo, tratou de reforçar a marcação. Escalou uma equipe com três zagueiros: Bruno Uvini, Bruno Alves e Kannemann, além de um meio-campo reforçado com Villasanti, Carballo, Bitello e Cristaldo. Na frente, Vina ao lado de Suárez.

A tarde no Maracanã, estádio em que o uruguaio faria os últimos gols com a camisa tricolor na derradeira rodada contra o Fluminense, não foi feliz para o camisa 9. O Pistoleiro chegou a ver a bola bater nas duas traves e não entrar em uma das oportunidades de gol criadas.

Do outro lado, entretanto, o ataque Rubro-Negro estava inspirado. Cebolinha e Pedro haviam marcado quando Bruno Henrique, depois de longo tempo fora, entrou nos minutos finais para fazer o terceiro. Curiosamente, esse deve ser o trio de ataque de Tite hoje à noite.



Mais Lidas

Confira a programação de esportes na TV desta terça-feira, 23 de abril

Opções incluem eventos de futebol e outras modalidades esportivas em canais abertos e por assinatura







Placar CP desta terça-feira, 23 de abril: confira jogos e resultados das principais competições de futebol

Acompanhe a atualização das competições estaduais, regionais, nacionais, continentais e internacionais

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895