Grêmio deverá ter força máxima contra o Flamengo na Libertadores
capa

Grêmio deverá ter força máxima contra o Flamengo na Libertadores

Luan, com problemas no tornozelo direito, poderá ser utilizado no jogo

Por
Rafael Peruzzo

Grupo do Grêmio está no Ceará para encarar o Fortaleza neste sábado

publicidade

Tudo indica que o Grêmio chegará à semifinal da Libertadores da América, na próxima semana, com todo o grupo à disposição de Renato Portaluppi. Dos titulares que entraram em campo contra o Bahia, na última quarta-feira, apenas Luan aparece como dúvida para o confronto que vai decidir um dos finalistas da competição sul-americana. 

O jogador, que foi substituído na quarta-feira e deixou o gramado da Arena com fortes dores no tornozelo direito, não deve ser problema para o confronto com o Flamengo. Mas a principal novidade na delegação que viajou para Fortaleza – onde o Tricolor joga amanhã pelo Campeonato Brasileiro – foi a presença do meia Jean Pyerre. Ele não atua desde o dia 15 de setembro, quando sofreu uma lesão muscular na coxa. 

Jean vem trabalhando fisicamente há alguns dias e a tendência é que fique ao menos no banco de reservas no Maracanã. Mas o fato de ter todo o grupo em condições de jogo não significa que as dúvidas estejam dirimidas. O desempenho na derrota para o Bahia causou preocupação. A lateral direita continua sendo uma incógnita. 

Léo Moura, titular na quarta-feira, voltou a ter problemas na marcação e cometeu um pênalti. Galhardo é a outra opção. Na goleada sobre o Atlético-MG, no último domingo, Renato Portaluppi chegou a testar o zagueiro Paulo Miranda por 45 minutos na posição. No meio-campo, Michel, Maicon e Matheus Henrique brigam por duas vagas. 

O Grêmio desembarcou ontem no Ceará e só retorna a Porto Alegre no dia 24, após o jogo contra o Flamengo pela Libertadores. O time para enfrentar o Fortaleza, neste sábado, no Castelão, será todo reserva. “Se eu jogar, vou procurar aproveitar a oportunidade da melhor forma”, disse o meia Patrick.

O Tricolor perdeu a oportunidade de entrar no G-4 ao ser derrotado para o Bahia. A campanha em casa, aliás, vem dificultando as pretensões do clube no Campeonato Brasileiro. Em 39 pontos disputados como mandante na competição, o Grêmio somou apenas 24.