Inter viverá mês decisivo para pretensões no Brasileirão

Inter viverá mês decisivo para pretensões no Brasileirão

Colorado terá seis partidas até o final de outubro, e quatro delas serão no Beira-Rio

Fabrício Falkowski

Inter viverá mês decisivo para pretensões no Brasileirão

publicidade

O Inter ainda não ganhou neste mês de outubro. Foram duas partidas, com uma derrota para o Atlético-MG e um empate sem gols com o Ceará. Este mês será fundamental para determinar qual tipo de campanha o clube fará no Campeonato Brasileiro. Afinal, a tabela no futuro imediato mostra-se generosa com o time treinado por Diego Aguirre e, em caso de uma sequência de bons resultados, é provável que avance algumas posições na tabela. Até o final do mês, serão seis partidas, sendo quatro delas no Beira-Rio já recebendo público outra vez.

O técnico colorado, entretanto, não fala do futuro. Ainda em Fortaleza, local do mais recente compromisso no Brasileirão, na quarta-feira, ele manteve a estratégia de analisar um adversário e um compromisso de cada vez. Assim, limitou-se a projetar a partida contra a Chapecoense, domingo, em casa. Disse que será uma partida especial, por marcar a volta do público ao Beira-Rio e ressaltou a necessidade de conquistar os três pontos.

Veja Também

“Não vou falar de cinco jogos para a frente. Vou falar de domingo, apenas. Temos um jogo em casa, que precisamos ganhar, e voltaremos a ter a torcida conosco, presente no estádio. Me lembro de situações maravilhosas que vivi no Beira-Rio com a torcida. Seguramente, o time vai sentir a presença deles e vai dar uma boa resposta. Vamos fazer de tudo para dar essa vitória para os torcedores. Eles merecem essa alegria”, enfatizou o técnico. Logo após o empate com o Ceará, o goleiro Daniel elogiou a atuação do time, ressaltou a qualidade do adversário e valorizou o ponto somado. “Pontuar é bom, né? Pela grandeza do Inter, a gente precisava da vitória, mas futebol é assim mesmo. Agora, vamos trabalhar porque temos dois jogos ao lado da nossa torcida”, disse o goleiro, que fez pelo menos duas defesas fundamentais para garantir o empate em Fortaleza.

Depois da Chapecoense, o Inter pega o América-MG, de novo no Beira-Rio, o Palmeiras, em São Paulo, volta para Porto Alegre e enfrenta Bragantino e Corinthians. Fechando o mês, vai ao Morumbi pegar o São Paulo. O primeiro jogo de novembro é o Gre-Nal, dia 7, no Beira-Rio.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895