Medeiros ressalta "luta até o fim" diante do América-MG

Medeiros ressalta "luta até o fim" diante do América-MG

Presidente explica escolha por Abel Braga e lamenta perda de verba por eliminação na Copa do Brasil

Correio do Povo

Inter marcou gol no último minuto e levou a partida para os pênaltis

publicidade

O presidente do Inter, Marcelo Medeiros, lamentou o resultado obtido na noite desta quarta-feira. O time até venceu o América-MG por 1 a 0 no tempo normal, mas acabou eliminado nos pênaltis e deu adeus à Copa do Brasil em Belo Horizonte. 

Apesar da eliminação, o presidente destacou a "luta até o fim" do time para conquistar o resultado favorável para levar a partida para os pênaltis. "Ganhamos, mas infelizmente não tivemos sucesso. Temos um jogo importantíssimo pelo Brasileirão no domingo, e esperamos brigar na parte de cima da tabela", frisou.

Mais uma vez, Medeiros foi questionado por conta da escolha do nome de Abel Braga como nome para treinar o Inter na vaga deixada por Eduardo Coudet. "A troca do comando técnico não foi decisão da comissão, foi decisão do profissional. Agora ele está em outro clube. Mas tínhamos uma decisão mata-mata 3 dias depois que ele foi embora, então é isso, agora precisamos seguir. O Abel é o segundo treinador que mais treinou o Inter, campeão do mundo, tem carinho, se sente em casa. No dia que ele foi anunciado a torcida se manifestou, início de trabalho sempre vai ter tropeço", argumentou.

O mandatário admitiu a irritação pelo resultado e projetou as eleições no clube. "Estamos todos irritados, indignados. Mas viemos atrás da classificação, inclusive vencemos o jogo, porém, não tivemos sorte nas cobranças de pênaltis. Vou entregar o clube na Série A, brigando pelo Brasileirão. Mas daqui alguns dias, o clube vai tomar outras direções, já que logo após o jogo contra o Boca, temos a eleição", disse ao falar das eleições presidenciais, que acontecerão no dia 25 de novembro.

O Inter também lamentou a perda da verba por conta da eliminação. Por não avançar às semifinais, deixa de ganhar R$ 7 milhões. No entanto, a equipe tentará recuperar isso na Libertadores, onde enfrenta o Boca Juniors, nas oitavas de final. O próximo compromisso do Inter é pelo Brasileirão. No domingo, enfrenta o Fluminense, às 18h15min, no estádio Beira-Rio.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895