capa

Odair deixa escalação do Inter em aberto para quarta-feira

Treinador colorado frisou necessidade de um time competitivo contra o Alianza Lima

Por
Correio do Povo e Rádio Guaíba

Odair projeta time competitivo para confronto na Libertadores

publicidade

“Nenhum jogador está excluído de jogar quarta-feira”, avisou o técnico Odair Hellmann, em entrevista coletiva neste domingo. A frase veio após o time reserva colorado vencer o Aimoré por 2 a 0, em uma boa atuação no estádio Beira-Rio. “A gente pode, com tranquilidade, fazer uma sequência de duas ou três partidas com o mesmo jogador. Então, é uma questão de escolha.”

Dentre os jogadores que estiveram na equipe que bateu o Aimoré estão nomes como D'Alessandro, Rafael Sobis, Nonato e Sarrafiore. O técnico, que rechaçou classificar o time deste domingo como “alternativo” destacou que todos estão à disposição e poderão vir a ser escalados contra o Alianza Lima, pela Libertadores. “Você não ganha campeonato nenhum com 11 jogadores e sim com um grupo qualificado”, frisou. “Claro que é importante quem inicia, mas às vezes quem resolve o jogo não é quem começa.”

Odair destacou a vitória, mas evitou festejar a sequência de seis triunfos consecutivos. “Estamos buscando rapidamente a identidade do ano passado, a força e a competitividade que tivemos. E estamos ajustando as outras coisas”, observou. 

A série é a sua melhor como técnico do Inter até aqui. Para mantê-la, o técnico ressaltou a necessidade de um time raçudo contra os peruanos. “Vai ser um jogo de extrema competitividade e no mínimo a gente tem que competir de igual para igual, mas eu quero mais”, projetou ele, pedindo apoio da torcida em nome de uma “simbiose pela vitória”.

“Mesmo com nossa ideia e personalidade teremos qeu criar situações para vencer a partida”, afirmou. “Certamente o adversário vai competir muito. Vamos ter que ter paciência e não lentidão. Não podemos ficar contentes e achar que não precisamos melhorar ou evoluir. Pelo contrário. Precisamos estar sempre querendo melhorar.”