Tite reconhece primeiro tempo ruim do Brasil: "Não tivemos processo de criação"

Tite reconhece primeiro tempo ruim do Brasil: "Não tivemos processo de criação"

Treinador da Seleção também explicou motivo pela manutenção dos volantes mesmo atrás no marcador

Correio do Povo

Tite reconheceu atuação ruim da Seleção na vitória sobre a Venezuela

publicidade

O técnico Tite reconheceu a atuação abaixo da média da Seleção Brasileira, no primeiro tempo, diante da Venezuela, na noite desta quinta-feira. Apesar do começo ruim, a Seleção encontrou forças para virar a partida e venceu pelo placar de 3 a 1, mantendo os 100% nas Eliminatórias.

De acordo com treinador, o primeiro tempo foi abaixo da média. E, com exceção de "10 ou 15 minutos", não houve boas chances para marcar. "Não tivemos um processo de criação. A Venezuela terminou melhor a etapa inicial. Mas tivemos um bom segundo tempo, que nos proporcionou a vitória", resumiu.

Ele explicou, ainda, a manutenção dos volantes na equipe, mesmo atrás no marcador. O treinador disse que o esqume não interferiu no "processo criativo" da Seleção. "Não considero o Gerson um volante. É um jogador de criação. Tem sua origem como jogador mais adiantado. Tentei dar a ele um poscionamento mais avançado", justificou. 

A Seleção Brasileira volta a campo no domingo, para enfrentar a Colômbia, às 18h. A partida, que acontece no estádio Metropolitano de Barranquilla é válida pela 5ª rodada das Eliminatórias, atrasada por conta da pandemia de Covid-19. 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895