Caxias do Sul vai intensificar fiscalização sobre aglomerações e uso da máscara

Caxias do Sul vai intensificar fiscalização sobre aglomerações e uso da máscara

Medidas ocorrem após aumento do número de casos de Covid-19

Celso Sgorla

Decisão foi tomada após reunião da prefeitura com lideranças da cidade

publicidade

Por conta do crescimento no número de casos de Covid-19, a prefeitura de Caxias do Sul decidiu nessa terça-feira que intensificará a fiscalização do uso de máscaras, aplicando multas a quem não estiver utilizando os equipamentos de proteção. A administração municipal também afirmou que serão reforçadas as verificações de aglomerações nos postos de combustíveis e demais comércios.

As decisões ocorreram após uma reunião com lideranças comunitárias, de trabalhadores, empresários e políticos. O objetivo foi o de avaliar medidas para evitar que a Covid-19 comprometa as atividades econômicas, sociais e de saúde de Caxias do Sul. Um novo encontro com as mesmas motivações está previsto para acontecer até o final de semana.

O prefeito Adiló Didomenico entende que a maior parte dos novos casos tem como principal causa o afrouxamento das condutas de prevenção por parte da população nas festas de final de ano. Mas lembrou que o setor empresarial também cedeu no cumprimento de protocolos por parte de funcionários e clientes. “Não podemos retomar o fechamento da economia. Isto seria altamente prejudicial para todos. Por isso, a necessidade de cada um em se comprometer com a prevenção”, assinalou.

Veja Também

Na avaliação do prefeito, mesmo que as internações clínicas e em UTIs pela Covid estejam sob controle, um colapso no sistema de saúde trará como uma das consequências o comprometimento da atividade econômica. Ele defendeu ações coletivas para conscientizar a população de que é preciso retomar o uso de máscara, a higienização com álcool em gel, manter o distanciamento e evitar aglomerações.

Também enfatizou a importância da vacinação como forma preventiva, lançando a ideia de campanhas para colocar fim aos boatos sobre a ineficácia dos imunizantes. “Temos um surto, mas, felizmente, com número reduzido de internações e óbitos. Mas diante do volume de consultas, o maior desde o início da pandemia, o sistema de saúde está sujeito ao colapso. Por isso, a necessidade da colaboração de todos”, alertou.

No próximo sábado (15), das 9h às 17h, haverá ação para testagem de Covid-19 na Praça Dante Alighieri. Além disso, desde a última segunda-feira, a UBS Centro de Saúde é referência para testagem das 16h30min às 20h. 

Algumas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) também terão vacinação contra a Covid-19 e testagem. As UBSs que  estarão abertas ainda  serão definidas visto que  a atividade depende do número de servidores disponíveis e o município enfrenta um aumento de casos Covid-19 entre os profissionais da rede municipal de saúde.


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895