Comunidade quilombola de Uruguaiana participa de documentário

Comunidade quilombola de Uruguaiana participa de documentário

A obra é um longa-metragem sobre a preservação do bioma Pampa

Fred Marcovici

O documentário está sendo realizado com filmagens em aldeias e comunidades do Estado

publicidade

O Rincão dos Fernandes, área quilombola reconhecida pela Fundação Cultural Palmares de Brasília, e tombada como Patrimônio Histórico e Cultural, pela Prefeitura de Uruguaiana em 2011, faz parte de um documentário em desenvolvimento, produzido pela Atama Filmes, por meio do fomento à cultura pela Secretaria de Cultura do Estado. A obra é um longa-metragem sobre a preservação do bioma Pampa pelos indígenas e quilombolas no Rio Grande do Sul.

O documentário está sendo realizado com filmagens em aldeias e comunidades do Estado. Além de Uruguaiana, foram gravadas tomadas de cenas em São Borja e em São Miguel das Missões. Segundo o historiador e pesquisador, Dagoberto Alvim Clos, que colabora com a comunidade quilombola de Uruguaiana desde 2011 - até antes da pandemia, o Rincão dos Fernandes era o segundo local histórico mais visitado da zona rural do município. Na área moram 11 famílias.

Foram convidadas a participar das gravações, pessoas que colaboram com o Rincão dos Fernandes há 10 anos, como o historiador Dagoberto Alvim Clos; a educadora social Márcia Goulart; a participante do Movimento Negro, Stael Soraya; Gladis Cardoso, da Coordenadoria de Promoção de Igualdade Racial (Copir); a presidente da Associação Quilombola Rincão dos Fernandes, Vanda Castro; e Ivanoir Miranda, da Empresa de Assistência Técnica e Extensão Rural (Emater). A película quando lançada deverá contar com exibição nacional e internacional, após a finalização da produção.

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895