Ecosul anuncia obra de recuperação da ponte sobre o Canal São Gonçalo na BR 392

Ecosul anuncia obra de recuperação da ponte sobre o Canal São Gonçalo na BR 392

Durante trabalhos da empresa haverá interdição parcial da pista em sistema pare e siga

Correio do Povo

Serviços serão realizados durante a noite e na madrugada por conta do menor fluxo de veículos na rodovia

publicidade

A Ecosul anunciou que, a partir de terça-feira, serão iniciadas obras de recuperação nas juntas de dilatação e no pavimento da ponte sobre o Canal São Gonçalo, localizada no km 60 da BR-392, entre Pelotas e Rio Grande. Durante o período de manutenção, haverá interdição parcial da pista, com operação no sistema “pare e siga”, entre os kms 59 e 61, das 21h às 6h, de segunda a sábado.

A intervenção deve durar três meses. Segundo o gerente de Engenharia da Ecosul, Miquéias Neuenfeld, obra do mesmo gênero foi realizada no ano passado, mas a manutenção foi restrita a duas juntas. Desta vez, todas as 30 juntas da ponte passarão por manutenção, o que justifica o prazo de 90 dias para a conclusão dos trabalhos.

“Os serviços serão realizados à noite e na madrugada em razão do menor fluxo de usuários, das características dos veículos que transitam por este trecho e também para manter a fluidez do tráfego durante o dia e nos horários de maior demanda”, pontuou.

Para minimizar os transtornos, a Ecosul já informou antecipadamente a interdição parcial da pista e o tempo de obra na rodovia. O contato foi feito com autoridades regionais, com órgãos oficiais e com empresas de transporte e logística que operam no eixo Pelotas-Rio Grande. A fim de permitir que os usuários da rodovia também possam organizar seus deslocamentos, a concessionária utiliza seus canais de comunicação e a imprensa para comunicar os horários de fluxo interrompido.

O supervisor de tráfego da Ecosul, Lissandro Robaina, destaca que toda a intervenção no local estará bem sinalizada, com uma equipe exclusiva e disponível no período noturno. “Vamos intercalar o tráfego e estaremos controlando o fluxo no local”, alerta, ao reiterar que a Ecosul adotará todas as medidas necessárias para garantir a segurança viária dos usuários durante o período de obras.


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895