Escolas de Caxias do Sul recebem selo por combate ao Bullying
capa

Escolas de Caxias do Sul recebem selo por combate ao Bullying

A entrega do selo é feita a cada dois anos

Por
Celso Sgorla

15 escolas de Caxias do Sul receberam nesta quinta-feira, o Selo Escola Atenta ao Bullying

publicidade

Dentro da proposta de destacar projetos de combate e prevenção ao bullying, 15 escolas de Caxias do Sul receberam, na quinta-feira, da Câmara de Vereadores de Caxias do Sul, o Selo Escola Atenta ao Bullying. No total, 36 escolas se inscreveram e apresentaram suas atividades contínuas, envolvendo a comunidade escolar. Contudo, apenas 15 colégios compareceram para receber o certificado.

Idealizadora da proposta, a vereadora Paula Ioris, disse que o selo busca incentivar o cumprimento da legislação, além de disseminar e compartilhar boas práticas no ambiente escolar, e chamar atenção para o tema. “Assim, espera-se que haja convivência de paz, tolerância, respeito e empatia em sala de aula e fora dela”, pontuou a parlamentar.

Para embasar o projeto, a vereadora cita dados da Universidade de Caxias do Sul (UCS), que realizou uma pesquisa sobre o bullying em dez cidades da Serra. O estudo avaliou 5.032 estudantes de escolas públicas, com faixa etária entre 11 e 14 anos. Desse universo, 508 estudantes eram vítimas de bullying, representando 10% do total. De acordo com Ioris, a Organização Mundial da Saúde também destaca a necessidade de debater o assunto e de lidar com a depressão e o suicídio enquanto reflexos do bullying.

Pontualmente sobre o suicídio, a vereadora apresentou dados da Vigilância Epidemiológica da Secretaria Municipal da Saúde. Quando se observa o público de crianças e adolescentes, as estatísticas indicam 77 tentativas de suicídio e nenhum suicídio em 2016. No ano seguinte, houve a identificação de 138 tentativas e sete suicídios.

A entrega do selo é feita a cada dois anos, sempre em anos ímpares e próxima ao dia 20 de outubro, Dia Mundial de Combate ao Bullying.