Escolas estaduais aderem ao protesto em Caxias do Sul
capa

Escolas estaduais aderem ao protesto em Caxias do Sul

Cerca de 30 instituições aderiram total ou parcialmente às manifestações em defesa da educação pública

Por
Celso Sgorla

A concentração começou às 9h na praça Dante Alighieri

publicidade

Estudantes, professores e funcionários de escolas estaduais de Caxias do Sul, na Serra, aderiram à greve geral que ocorre em todo o país em defesa da educação pública de qualidade e contra a reforma da Previdência. O 1º Núcleo do Cpers de Caxias do Sul informou que cerca de 30 escolas aderiram total ou parcialmente ao protesto.

A concentração aconteceu às 9h na praça Dante Alighieri, no centro da cidade. Dali, os manifestantes saíram em caminhada até a sede da 4ª Coordenadoria Regional de Educação, na avenida Júlio de Castilhos, no bairro Cinquentenário, onde leram um manifesto e o entregaram ao órgão. Outro ato público está programado para acontecer às 17h30min na Dante Alighieri. 

Em Farroupilha, também houve paralisação em algumas escolas. Para o final da tarde, está programado um ato na Praça da Emacipação. Em Bento Gonçalves, diversas escolas estaduais não abriram as portas nesta quarta-feira. Conforme a diretora geral do 12° Núcleo do Centro de Professores do Estado do Rio Grande do Sul (Cpers), Juçara de Fátima Borges, sete escolas estaduais aderiram à paralisação, sendo duas de forma parcial e cinco totalmente.