capa

Escolas estaduais aderem ao protesto em Caxias do Sul

Cerca de 30 instituições aderiram total ou parcialmente às manifestações em defesa da educação pública

Por
Celso Sgorla

A concentração começou às 9h na praça Dante Alighieri

publicidade

Estudantes, professores e funcionários de escolas estaduais de Caxias do Sul, na Serra, aderiram à greve geral que ocorre em todo o país em defesa da educação pública de qualidade e contra a reforma da Previdência. O 1º Núcleo do Cpers de Caxias do Sul informou que cerca de 30 escolas aderiram total ou parcialmente ao protesto.

A concentração aconteceu às 9h na praça Dante Alighieri, no centro da cidade. Dali, os manifestantes saíram em caminhada até a sede da 4ª Coordenadoria Regional de Educação, na avenida Júlio de Castilhos, no bairro Cinquentenário, onde leram um manifesto e o entregaram ao órgão. Outro ato público está programado para acontecer às 17h30min na Dante Alighieri. 

Em Farroupilha, também houve paralisação em algumas escolas. Para o final da tarde, está programado um ato na Praça da Emacipação. Em Bento Gonçalves, diversas escolas estaduais não abriram as portas nesta quarta-feira. Conforme a diretora geral do 12° Núcleo do Centro de Professores do Estado do Rio Grande do Sul (Cpers), Juçara de Fátima Borges, sete escolas estaduais aderiram à paralisação, sendo duas de forma parcial e cinco totalmente.