Idosa que superou a Covid-19 é a primeira vacinada em Gramado

Idosa que superou a Covid-19 é a primeira vacinada em Gramado

Imunização começou nesta quarta-feira na cidade

Halder Ramos

Vó Rosinha reside há quase cinco anos no Santa Ana Residencial Geriátrico

publicidade

A professora aposentada Rosa Witmann Jung, 94 anos, foi a primeira a ser vacinada contra a Covid-19 em Gramado. Ela recebeu a primeira dose na manhã desta quarta-feira. Vó Rosinha, como é conhecida carinhosamente, reside há quase cinco anos no Santa Ana Residencial Geriátrico. 

O lar de idosos foi atingido por um surto da doença e 11 residentes vieram a óbito. A idosa também teve diagnóstico positivo em setembro, mas não foi necessária a internação. “É um momento muito aguardado por todos da família. Estamos felizes pela vacinação iniciada pela vó. Ela é merecedora dessa primeira dose por tudo que ela já contribuiu pela cidade. É um respiro de alívio para a família esse dia”, afirmou a neta da vó Rosinha, Susana Jung Fleck.

O secretário da Saúde, Jeferson Moschen, descreveu a idosa como uma sobrevivente do coronavírus. “Estamos diante de uma sobrevivente, uma heroína, uma pessoa ímpar na sociedade de Gramado que muito contribuiu e que agora nós temos o dever de fazer por ela. Uma satisfação enorme, cumprimentos a família e ao Lar que muito se dedicou, muito lutou, muito sofreu, mas que na data de hoje está saindo vitorioso. É com muita alegria que estamos realizando a primeira imunização”, disse o secretário durante o início da vacinação em Gramado. 

As doses iniciais serão aplicadas em idosos que vivem em casas geriátricas e profissionais da área da Saúde que atuam na linha de frente de combate ao coronavírus. 

Veja Também


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895