Projeto cultural "Convivir" tem início nesta quinta-feira em Uruguaiana
capa

Projeto cultural "Convivir" tem início nesta quinta-feira em Uruguaiana

Serão diversas atividades até domingo

Por
Fred Marcovici

Centro Cultural Dr. Pedro Marini recebe o projeto cultural "Convivir"

publicidade

Tem início nesta quinta-feira o projeto cultural “Convivir”, em Uruguaiana, que reúne uma série de intervenções artísticas e culturais, tendo por tema central a diversidade e a inclusão. Acontecerão debates, palestras, sessões de autógrafos, apresentações de dança, exposição fotográfica, shows e diversas atrações, transformando o Centro Cultural Dr Pedro Marini, até o próximo domingo, em um palco de múltiplos eventos.

A programação multicultural prevê na abertura, às 19h30min, o Coletivo RevolucionARTE com o espetáculo “Não me defina”. Às 20h, ocorre a estreia do curta-metragem “ConVivir”. Após, o evento terá sequência com outras atividades.

Nos demais dias do evento, haverá debate com Cida Bofill. “Vamos conversar sobre prevenção, infecções sexualmente transmissíveis e HIV/Aids, trazendo dados epidemiológicos no município de Uruguaiana, 7º no ranking nacional de casos de Aids no país”, comenta Cida.

“Falaremos também sobre a necessidade de políticas públicas para a comunidade LGBTQ+, destacando o projeto municipal de inclusão da comunidade na formação do Conselho Municipal para Saúde. Teremos também eventos que tratam sobre cuidados psicológicos, especialização do público quando se trata de gênero, sessão de autógrafos, testes rápidos, acompanhamento psicológico, distribuição de preservativos,” complementa.

O evento contará também com a participação de Helena Martins, atriz e diretora da Cia Livre Artista, tratando do “Projeto “Mais Amor, uma conversa sobre os gritos da alma”. Buscando essa compreensão das questões internas, baseada nas vivências da atriz, além de conversa sobre tatuagens com o tatuador Rainer de Almeida Padilha.