Samae inicia retirada de plantas macrófitas da Represa São Pedro

Samae inicia retirada de plantas macrófitas da Represa São Pedro

A limpeza se estende até o início de outubro

Por
Celso Sgorla

De tempos em tempos algumas das represas utilizadas pelo Samae para captação de água bruta são afetadas pela proliferação desses


publicidade

O Serviço Autônomo Municipal de Água e Esgoto (Samae) de Caxias do Sul iniciou a retirada de plantas aquáticas conhecidas como macrófitas na represa São Pedro, pertencente a bacia do Complexo Dal Bó. A limpeza se estende até o início de outubro. De tempos em tempos algumas das represas utilizadas pelo Samae para captação de água bruta são afetadas pela proliferação desses vegetais sendo necessário sua remoção.

O trabalho que está sendo realizado na Represa São Pedro, consiste na movimentação da vegetação aquática flutuante por meio de embarcação até a margem dos lagos onde são removidas por escavadeiras e transportadas em caminhões.

As macrófitas aquáticas são organismos que estão presentes em todos os tipos de massas de água, mesmo em baixa riqueza ou biomassa. Elas são fundamentais para o metabolismo dos ecossistemas e para a ciclagem de nutrientes. Desta forma, não devem ser totalmente exterminadas, pois desempenham importante função de filtração preliminar da água.


Por ser uma bacia muito urbanizada, a bacia do Complexo Dal Bó, que também contempla as Represas São Paulo e São Miguel, apresenta, ciclicamente, a expansão da massa de macrófitas ocasionada pelo aporte de nutrientes, principalmente decorrente do lançamento in natura dos esgotos domésticos e industriais.