UPA em Santo Ângelo soma 40 mil atendimentos em um ano
capa

UPA em Santo Ângelo soma 40 mil atendimentos em um ano

Expectativa é de que o atendimento seja ampliado de 15 para 24 horas por dia

Por
Felipe Dorneles

Dos 40 mil atendimentos realizados, 10 mil foram crianças

publicidade

Solenidade marcou um ano de atividades da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) em Santo Ângelo, nas Missões. No evento que ocorreu na sexta-feira, no prédio da UPA, foi divulgado que, neste período, foram registrados mais de 40 mil atendimentos de urgência e emergência. O executivo segue esperando habilitação, no Governo Federal, para que o atendimento seja ampliado de 15 para 24 horas por dia. Atualmente, a habilitação existe apenas junto do Governo do Estado, que permite o funcionamento das 7h às 22h.

O prefeito Jacques Barbosa anunciou, no evento, que o Governo Municipal já conta com os documentos do Estado e do Ministério da Saúde aprovando o funcionamento 24 horas da UPA, porém, estão no aguardo dos repasses de recursos. O secretário municipal de Saúde, Luis Carlos Cavalheiro, destacou que a importância da UPA para a comunidade está comprovada pelos números do primeiro ano de funcionamento. Reforçou também que do total de pacientes atendidos, 10 mil foram crianças.

A população tem acesso a consultas médicas com clínico geral, procedimentos de enfermagem, raio-x e coleta de material de laboratório. Um pediatra realiza atendimento específico para crianças.

Atualmente o município banca o custeio de R$ 300 mil por mês. Com a ampliação do atendimento, o custo sobe para R$ 500 mil. Porém, com a habilitação, R$ 400 mil serão divididos entre Estado e União.