Banco do Brasil reduzirá juros de linhas de crédito PF e PJ após novo corte na taxa Selic

Banco do Brasil reduzirá juros de linhas de crédito PF e PJ após novo corte na taxa Selic

As reduções podem chegar a 0,04 ponto porcentual por mês, de acordo com o banco público

AE

publicidade

O Banco do Brasil vai reduzir os juros de diferentes linhas de crédito para pessoas físicas e jurídicas após o corte de 0,5 ponto porcentual da taxa Selic, para 12,75% ao ano, decidido nesta quarta-feira, 20, pelo Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central. As reduções podem chegar a 0,04 ponto porcentual por mês, de acordo com o banco público.

No segmento de pessoas físicas, o banco vai reduzir taxas no consignado para funcionários públicos e beneficiários do INSS; financiamento de veículos; automático; salário; benefício; renovação; 13º salário; e cartão de crédito.

De acordo com o BB, no consignado do INSS, a taxa mínima cairá de 1,75% mensais para 1,71% mensais. O teto da linha passará de 1,89% ao mês para 1,85% ao mês. Já no consignado público e no crédito estruturado, que conta com garantias, as taxas começam em 1,19% ao mês e em 1,21% ao mês, respectivamente.

No caso do crédito para pessoas jurídicas e micro e pequenas empresas, o banco vai oferecer juros mais baixos nas linhas de desconto de títulos, capital de giro, conta garantida e em outros produtos. Segundo o BB, as reduções variam de acordo com o grau de relacionamento com os clientes.

As novas taxas para pessoas físicas estarão disponíveis a partir de amanhã, 21. No caso das linhas de pessoas jurídicas, as reduções passam a valer a partir de sexta-feira, 22.

No início de agosto, quando o Copom iniciou o ciclo de cortes dos juros com outra redução de 0,5 ponto porcentual na Selic, o banco também anunciou em seguida uma série de reduções de juros.

"E esse movimento já nos permite estabelecer melhores condições na concessão de crédito, sempre observando as boas práticas bancárias, apoiada em um cenário macroeconômico favorável, somado ao nosso monitoramento permanente das taxas de produtos de empréstimo, com o propósito de estabelecer sempre as condições mais adequadas para nossos clientes", disse na ocasião a presidente do BB, Tarciana Medeiros, em uma rede social.


Azeite gaúcho conquista prêmio internacional

Produzido na Fazenda Serra dos Tapes, de Canguçu, Potenza Frutado venceu em primeiro lugar na categoria “Best International EVOO” do Guía ESAO

Mais Lidas





Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895