Com gasolina, grupo Transporte gerou maior alívio no IPCA-15 de dezembro
capa

Com gasolina, grupo Transporte gerou maior alívio no IPCA-15 de dezembro

Combustível foi o responsável pelo maior impacto individual no índice do mês

Por
AE

Com gasolina, grupo Transporte gerou maior alívio no IPCA-15 de dezembro

publicidade

O grupo de Transportes teve a maior queda, de 0,93%, e também o maior alívio, de -0,18 ponto porcentual, no Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo - 15 (IPCA-15) de dezembro (-0,16%) divulgado nesta sexta-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). No grupo, a principal influência partiu da redução nos preços da gasolina (-5,47%).

O combustível foi o responsável pelo maior impacto individual no índice do mês, com -0,26 ponto porcentual. Todos as áreas pesquisadas apresentaram queda de preços da gasolina.

O intervalo foi de -8,90% em Salvador e -3,02% em Fortaleza. Além da gasolina, o etanol (-3%) e o óleo diesel (-1,93%) também caíram em dezembro. Já as passagens aéreas subiram 29,61%, sendo o maior impacto individual positivo no IPCA-15 de dezembro (0,11 ponto porcentual).