FMI retomará gradativamente atividades presenciais em 1º de junho

FMI retomará gradativamente atividades presenciais em 1º de junho

Fundo caminha para a reabertura total de sua sede nos próximos meses

AFP

Sede opera remotamente desde março de 2020

publicidade

Depois de mais de um ano de teletrabalho, o Fundo Monetário Internacional (FMI) irá retomar gradualmente suas atividades presenciais na sede de Washington a partir de 1º de junho. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (20) pelo diretor de comunicações do FMI, Gerry Rice. Conforme a pandemia diminui nos Estados Unidos, a decisão "reflete a melhoria nas condições de saúde e segurança relacionadas à covid-19 na área metropolitana de DC", disse Rice.

Como a maioria dos escritórios em Washington, o FMI fechou suas portas em março de 2020, quando o surto de Covid-19 nos Estados Unidos se intensificou e a pandemia global foi declarada. Assim, a instituição realizou suas reuniões de outono e primavera em formato virtual, em outubro de 2020 e abril de 2021, respetivamente.

Segundo Rice o FMI tem sido capaz de manter um serviço e sem precedentes. E além do retorno gradual, "muitos aspectos do nosso modo virtual de operação continuarão, à medida que o FMI caminha para a reabertura total de sua sede nos próximos meses", complementa.

 


Mais Lidas


Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895