Gasto de brasileiros no exterior supera R$ 22 bilhões entre janeiro e abril

Gasto de brasileiros no exterior supera R$ 22 bilhões entre janeiro e abril

Trata-se do maior valor em quatro anos para o período

R7

publicidade

Os brasileiros desembolsaram R$ 5,5 bilhões (US$ 1,1 bilhão) em viagens para o exterior em abril, de acordo com dados revelados nesta sexta-feira pelos Estatísticas do Setor Externo, do BC (Banco Central). Com o resultado 12,5% superior ao registrado no mesmo mês do ano passado, os gastos fora do país totalizam R$ 22,3 bilhões (US$ 4,5 bilhões) nos quatro primeiros meses de 2023, cifra 20,9% maior do que apurada no mesmo período de 2022. Trata-se também do maior valor para o primeiro quadrimestre desde 2019, quando as despesas somaram R$ 15,7 bilhões (US$ 3,1 bilhões).

Conforme os dados, os estrangeiros ingressaram com R$ 10,8 bilhões (US$ 2,1 bilhões) em terras brasileiras entre os meses de janeiro e abril. O volume de gastos é 32,4% maior que o da entrada de R$ 8,1 bilhões (US$ 1,6 bilhão) registrada no mesmo período do ano passado.

Com a movimentação, o saldo de viagens fecha o primeiro quadrimestre com um resultado negativo de R$ 11,5 bilhões (US$ 2,3 bilhões), valor 11,9% maior do que o déficit de R$ 10,3 bilhões (US$ 2,1 bilhões) computado nos primeiros quatro meses do ano passado.

Ao longo de todo o ano de 2022, os gastos dos brasileiros com viagens internacionais totalizaram R$ 60,9 bilhões (US$ 12,18 bilhões), valor 132% maior do que o de 2021, ano ainda marcado pelas limitações impostas para conter o avanço do coronavírus.  No ano passado, o dólar teve a primeira queda anual desde 2016 (-5,34%) e fechou o ano cotado a R$ 5,278. Hoje o valor comercial da moeda americana figura na casa de R$ 5. Também pesou a favor dos viajantes o fim das restrições anti-Covid em muitos países.


Empresa familiar do RS ganha título de vinícola do ano

Vita Eterna de Pinto Bandeira usa processo artesanal para produzir

Mais Lidas





Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895