Indústria registra retração de 3,4% em agosto no Rio Grande do Sul, diz IBGE
capa

Indústria registra retração de 3,4% em agosto no Rio Grande do Sul, diz IBGE

Em um ano, no entanto, houve crescimento acumulado de 6,6%

Por
Correio do Povo

Em imagem de arquivo, expansão da GM de Gravataí

publicidade

A produção industrial recuou em oito dos 15 locais pesquisados em agosto deste ano, na comparação com agosto de 2018, segundo os dados da Pesquisa Industrial Mensal - Produção Física Regional. O levantamento do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) foi divulgado nesta terça-feira. Nesse cenário, a indústria gaúcha teve crescimento acumulado de 6,6% em um ano. No entanto, parte do aumento da produção industrial foi perdida entre julho e agosto. A retração é de 3,4%, segundo o IBGE. 

No País, com a alta de 0,8% na indústria nacional no período, os índices de onze dos quinze locais pesquisados seguiram no mesmo sentido. Em São Paulo, maior parque industrial do País, houve um avanço de 0,7%.

Rio Grande do Sul e Paraná tiveram os maiores avanços no acumulado no ano, com 4,9% e 6,5%, respectivamente. No Estado, os resultados positivos foram impulsionados, principalmente, pelas atividades de veículos automotores, reboques e carrocerias. Santa Catarina (3,2%), Goiás (1,9%), Ceará (1,7%) e Amazonas (1,0%) também mostraram taxas positivas no indicador acumulado do período janeiro-agosto de 2019.