Produção industrial no RS tem queda de -3,8% em 2016

Produção industrial no RS tem queda de -3,8% em 2016

Setor gaúcho, no entanto, cresceu 6,3% na passagem entre novembro e dezembro

Correio do Povo

Produção industrial no RS tem queda de -3,8% em 2016

publicidade

A produção industrial do Rio Grande do Sul registrou redução de -3,8% em 2016. Os dados foram divulgados nesta terça-feira pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). A queda, no entanto, ficou abaixo da média nacional de -6,6%.  

Conforme o IBGE, a redução da produção em 2016 se deu também em outros 13 locais dos 15 pesquisados, com quatro recuando com intensidade superior à média nacional (-6,6%): Espírito Santo (-18,8%), Amazonas (-10,8%), Pernambuco (-9,5%) e Goiás (-6,7%). Minas Gerais (-6,2%), São Paulo (-5,5%), Ceará (-5,2%), Bahia (-5,2%), Paraná (-4,3%), Rio de Janeiro (-4,1%), Santa Catarina (-3,3%), Região Nordeste (-3,1%) e Mato Grosso (-1,1%) completaram o conjunto de locais com resultados negativos no fechamento dos 12 meses do ano. Por outro lado, Pará (9,5%) assinalou o único avanço no índice acumulado no ano.

Já o aumento no ritmo da produção industrial, na passagem de novembro para dezembro de 2016, tem como destaque o avanço de 12,4% registrado pelo Ceará e pelo Rio Grande do Sul, que apresentou índice de 6,3%. Também caminharam na mesma direção o Espírito Santo (5,1%), Região Nordeste (4,9%) e Santa Catarina (3,6%), que também assinalaram crescimento acima da média da indústria (2,3%). Minas Gerais (2,3%), Goiás (1,4%), Bahia (1,4%), Paraná (0,8%) e Pernambuco (0,6%) completaram o conjunto de locais com taxas positivas nesse mês.

Por outro lado, Amazonas (-2,0%) e São Paulo (-1,5%) apontaram os resultados negativos mais acentuados nesse mês, com ambos revertendo o crescimento verificado em novembro: 4,1% e 1,4%, respectivamente. As demais taxas negativas foram assinaladas por Rio de Janeiro (-0,9%) e Pará (-0,7%).

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895