Vendas no e-commerce caem 23% na Black Friday

Vendas no e-commerce caem 23% na Black Friday

Comparação entre o período de 25 dias de promoções em novembro teve queda de apenas 1%

R7

publicidade

O faturamento bruto do comércio eletrônico durante a Black Friday caiu 23% em relação à mesma data de 2021, de acordo com a NielsenIQ, em parceria com a Bexs Pay. A comparação entre as sextas-feiras de Black Friday, porém, apresentaram resultados diferentes em relação à comparação realizada entre os 25 dias de promoções e ofertas, critério que mostrou estabilidade nas vendas.

Isso porque a queda foi somente de 1% entre os períodos, o que consolida novembro como um mês atrativo para as compras. “Ao considerarmos que a economia brasileira vive um momento desafiador e que em 2022 as lojas offline estão de volta, em peso, para competir com o e-commerce, é interessante perceber que a queda de -1% demonstra, na verdade, estabilidade. É como se o e-commerce, por ter uma força extra, se mantenha vivo e forte na data especial”, explica o Head de e-commerce da NielsenIQ, Marcelo Osanai.

No segmento de Bebidas e Alimentos, a alta foi de 13,8% nos 25 dias de novembro de 2022 em comparação com 2021. Outro segmento que teve aumento de pedidos na mesma comparação temporal foi o de Esportes e Lazer, com alta de 8,3%.

A pesquisa mostra ainda que o grupo Games teve a maior alta em faturamento bruto, na comparação dos 25 dias de novembro de 2022 com o mesmo período em novembro de 2021, tendo crescido 27,8%. Logo atrás vem o segmento de Eletrônicos, com 9,5%. Em seguida, Casa e Decoração, com 9%.

Alimentos e Bebidas, grupo de produtos impulsionado ao longo do ano devido à mudança na postura do usuário de e-commerce em preferir utilizar plataformas online para compras deste tipo, teve pequena queda de 3,3%, em faturamento bruto, embora o número de pedidos tenha aumentado consideravelmente.

Já quando comparados os dias específicos da Black Friday de ambos os anos, as quedas são mais significativas nos segmentos. Com a maior queda, calculada em 26,7% do faturamento bruto, ficou o grupo de Eletrônicos. Em seguida, Alimentos e Bebidas, com 22,1%; Casa e Decoração com baixa de 10,5%; e, por fim, Games, com a menor queda, em 0,7%.


Costura sob medida realiza sonhos

Estilista Cleide Souza produz o vestido ideal para noivas, formandas e debutantes

Mais Lidas





Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895