Barragem de Bagé está com 5,15 metros abaixo do normal

Barragem de Bagé está com 5,15 metros abaixo do normal

Estação de Tratamento de Água registrou metade da média histórica de chuva para o mês de março

Jossicar Saraiva / Correio do Povo

publicidade

A falta de chuvas regulares na região de Bagé vem provocando a queda progressiva nos níveis das barragens que abastecem a cidade. A Barragem da Sanga Rasa, a maior e referência para o Departamento de Água e Esgotos de Bagé (Daeb), apresentava o nível de 5,15 metros abaixo do normal nesta segunda-feira. Já a Barragem do Piraí estava com 2,80 metros aquém do nível.

No mês de março, a Estação de Tratamento de Água (ETA) registrou um índice acumulado de 83,3 milímetros de precipitação, praticamente a metade da média histórica do mês, que é 167 milímetros. A população de Bagé convive com um racionamento de 12 horas diárias desde o dia 16 de janeiro, e o diretor do Daeb, Kiwal Parera, continua apelando à população que consuma a água tratada de maneira racional, já que as previsões meteorológicas são de poucas chuvas para os primeiros 15 dias de abril.

Atualmente a cidade de 115 mil habitantes recebe cerca de 24 milhões de litros de água. Desse total, 3 milhões de litro\dia são produzidos por 11 poços artesianos, entre revitalizados e novos.


Bookmark and Share

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895