Blocos fazem folia na Orla do Guaíba
capa

Blocos fazem folia na Orla do Guaíba

Ao todo, dez blocos dividiram-se na avenida Beira Rio

Por
Christian Bueller

Domingo foi de mais carnaval no circuito da Orla do Guaíba, em Porto Alegre

publicidade

Quem disse que o Carnaval já havia acabado? Para os foliões de Porto Alegre, o final de semana serviu para tirar a fantasia que já estava de volta ao armário. O Carnaval de Rua na Orla do Guaíba fez os seus cavaquinhos soarem pela última vez neste final de semana. Dez blocos se dividiram entre sábado e domingo: Da Malvina, Bloco do OP, Afrotchê, B Loukos, As Cores da Cidade, Ai que saudade do meu ex, Do Guerreiro, Bloco da Amizade, Filhos do Cumpadi Washington e Império da Lã.

O secretário adjunto da Cultura, Leonardo Maricato, comemorou o sucesso da iniciativa, que fez gingar mais de 170 mil pessoas em 2019. “O evento foi qualificado em sua estrutura, como segurança, banheiros químicos e equipamentos de som”, frisou. As apresentações à beira do Guaíba transcorreram sem distúrbios, segundo a Brigada Militar. Este foi um dos pontos destacados pela foliã Juliana Lucas, que foi com a família acompanhar os blocos. “Poderia acontecer até mais vezes durante o ano. Cheguei no início da tarde e vou ficar até o fim”, diz a moradora do Partenon, de posse de uma cuia de chimarrão. “O carnaval de gaúcho é assim”, sorri. Ao seu lado, a pequena Manuelli, de cinco anos, que embalava sua inseparável boneca ao ritmo do samba. Realizada pela Prefeitura de Porto Alegre, o Carnaval de Rua 2019 teve apoio do Grupo Austral e Opinião e promoção da Impacto Vento Norte.