Cratera fará Conduto Álvaro Chaves passar por vistoria

Cratera fará Conduto Álvaro Chaves passar por vistoria

DEP afirmou que conserto de buraco será feito até sexta

Cristiano Soares / Rádio Guaíba

DEP afirmou que conserto de buraco será feito até sexta

publicidade

 O diretor do Departamento de Esgotos Pluviais (DEP), Tarso Boelter, confirmou que o buraco formado depois que o asfalto cedeu entre a ruas Tobias da Silva e Marquês do Herval é o segundo dano ocorrido no Conduto Álvaro Chaves desde que a obra foi entregue em 2009, em Porto Alegre. Desde sábado, a Empresa Pública de Transporte e Circulação (EPTC) isolou o local e deixou o fluxo em meia pista. O conserto será feito até sexta-feira e, segundo o diretor do DEP, será pago pelo consórcio responsável pela obra, formado pelas empresas Mac Engenharia e Pavicon Engenharia. Tarso Boelter afirmou que será feita uma licitação para contratar uma vistoria em todo o Conduto Álvaro Chaves.

O DEP enviadará cartas-convite para empresas de São Paulo, Espírito Santo, Rio de Janeiro e Minas Gerais para vistoriar todo o conduto, já que a garantia da obra vence em março de 2014. O processo deve durar 60 dias e custará entre R$ 140 mil e R$ 150 mil, pagos pela Prefeitura. Após a finalização dos trabalhos, o documento vai ser entregue para o consócio, que deverá ser responsável por possíveis reforços no Conduto Álvaro Chaves. 

Bookmark and Share

publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895