Estações da Trensurb são abertas após quase três horas

Estações da Trensurb são abertas após quase três horas

Problema no sistema de sinalização provocou paralisação de composições no começo da manhã desta quarta

Correio do Povo

Estações da Trensurb foram abertas com quase três horas de atraso

publicidade

Após quase três horas, as estações da Trensurb em Porto Alegre e em cidades da região Metropolitana foram reabertas na manhã desta quarta-feira. Uma falha no sistema de sinalização provocou a paralisação dos trens no começo do dia, às 5h. 

O problema gerou filas em estações da Capital e de municípios vizinhos que até então estavam fechadas. A empresa informou que havia uma avaria na comunicação na rede de fibra ótica, o que impedia o Centro de Controle Operacional de receber as informações necessárias entre as estações Sapucaia e Esteio. 

A assessoria de imprensa informou que nesta retomada do serviço o intervalo entre uma viagem e outra será de 10 minutos. As composições devem estar lotadas por conta do acumulado de pessoas nas 22 estações da Trensurb. A empresa deverá disponibilizar mais trens na Mathias Velho, caso seja necessário. Em média, a Trensurb transporta 170 mil pessoas diariamente. 

 

 

Até as 7h50min, a estação em Porto Alegre estava fechada / Foto: Guilherme Testa 


publicidade

publicidade

Correio do Povo
DESDE 1º DE OUTUBRO 1895